Por Rádio Aparecida Em Notícias

Padre Zezinho explica motivo de separações de igreja


Papa com rabino e líder muçulmano na Terra Santa

Leia Mais Padre Zezinho conta a sua história de vida no especial "Um certo José"Padre Zezinho alerta para os riscos da idolatria Padre Zezinho questiona pregadores que esclarecem questões da féPadre Zezinho comenta sentimentos de Jesus na Ceia e Paixão
No decorrer da história mundial, há registros de guerras e violência tendo como causa a religião, seja por parte de judeus e cristãos, cristãos e muçulmanos e cristãos entre si. Grande parte por causa de interesses políticos e econômicos.

Padre Zezinho, no quadro “Viver como Jesus viveu”, afirma que as cisões iniciam cada vez que um pregador decide formar uma nova igreja, com ideias e concepções diferentes daquela da qual foi ordenado. “As razões normalmente são insatisfação com doutrina, liderança ou prática da fé”, afirma o padre.

Ele afirma também que, apesar de relembrarmos o passado, esses dias não terminaram. “Ainda há grupos religiosos violentamente atacando os outros e incapazes de administrar a cisão e separação. É uma pena, cristãos não deveriam chegar a esses extremos. Oremos para que as divisões terminem e que busquemos o caminho na unidade”.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Rádio Aparecida, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.