Espiritualidade

Quando Deus se cala, como voltar a ouvir?

Camila Vilas (Arquivo Pessoal)

Escrito por Camila Vilas

19 NOV 2021 - 08H59 (Atualizada em 19 NOV 2021 - 09H16)

Andrii Zastrozhnov/ Shutterstock home rezando, olhando para o céu, pensando em Deus (Andrii Zastrozhnov/ Shutterstock)

Quem de nós nunca passou pela sensação de que Deus não nos escutaNo caminho da vida cristã, é comum passar por isso. Muitos santos e personagens das Sagradas Escrituras passaram por isso. Parece que, de um momento a outro, Deus fica em silêncio, alheio às nossas súplicas e orações.

Embora este silêncio nos leve a sentir um certo abandono, que nos causa tristeza e pena, Deus sempre está conosco e o que precisamos fazer é aprender a reconhecer a Sua presença.

Nesta reflexão, vamos tentar entender como Deus nos fala através do silêncio e como descobrir a Sua presença em nossas vidas.

fizkes/ Shutterstock
fizkes/ Shutterstock


A linguagem silenciosa de Deus

Vivemos em um mundo barulhento, onde há bem pouco espaço para o silêncio. Esta realidade faz com que seja muito difícil para nós dispor o coração para a escuta. Além disso, nos angustiamos, pois queremos que Deus nos responda rápido e do nosso jeito.

Mas devemos aprender que a linguagem silenciosa de Deus vai nos conduzindo suavemente através dos caminhos do seu amor de Pai. Portanto, podemos comparar a Deus com um pai que educa o seu filho, às vezes através do silêncio, às vezes através das palavras.

Então, é necessário entender que, quando Deus não nos responde como queremos ou esperamos, não significa que Ele nos abandonou; significa que Ele está preparando algo melhor – pois Ele sempre quer o melhor para nós – e está nos educando na paciência. 

A cada dia devemos pedir a Deus que nos ajude a compreender Sua linguagem silenciosa e a não ter medo de colocar toda nossa esperança em Seu amor infinito.

Dream Perfection/ Shutterstock
Dream Perfection/ Shutterstock


A oração: lugar privilegiado para voltar a escutar a Deus

Nestes momentos em que sentimos com mais força o silêncio de Deus, devemos permanecer em oração, pois é através dela que nosso coração vai ser capaz de se abrir a escutar o que Deus nos quer falar, e não o que nós queremos que Ele nos fale. Sabemos que o silêncio de Deus pode ser exaustivo e que não é fácil passar por este momento, mas a oração nos dará a paz interior e a serenidade necessárias para superar esta situação de provação e crescer na confiança.

Leia MaisQuero ouvir maisQuero conhecer JesusÀs vezes, a dificuldade de sentir a presença de Deus nos leva a abandonar a oração mas, são nesses momentos que devemos olhar para a Cruz. A cruz foi o lugar onde o próprio Cristo sentiu o silêncio de seu Pai. Foi nela que Ele clamou: "Meu Deus, por que me abandonaste?" (Mateus 24,46).

Jesus nos mostra que, mesmo à beira da morte, na hora mais difícil, devemos invocar o Pai na oração, como Ele fez durante toda a sua vida, como Ele fez ao exclamar, com seu último suspiro: "Pai, nas tuas mãos entrego o meu espírito" (Lucas 23,46).

Que possamos colocar sempre as nossas vidas nas mãos amorosas de Deus, que nunca nos abandona. Que possamos confiar sempre nas Suas promessas e na Sua Palavra, especialmente quando ela se faz silêncio.

Escrito por
Camila Vilas (Arquivo Pessoal)
Camila Vilas

Jornalista, musicista e leiga consagrada da Fraternidade Mariana da Reconciliação, cuja sede no Brasil fica em Niterói – RJ. Realizou diversos trabalhos missionários no Peru, Colômbia e Equador.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redação A12, em Espiritualidade

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.

Bem vindo!


Para completar seu cadastro, por favor, verifique seu e-mail e defina sua senha.
Caso não encontre o e-mail na sua caixa de entrada, por favor, verifique na caixa de SPAM/TRASH/LIXO ELETRÔNICO.