Por Pe. Antônio Queiroz, C.Ss.R Em Histórias de Vida

Servir a Deus com alegria

Em uma congregação religiosa masculina, havia um mestre de noviços que queria ver seus noviços sempre alegres. Embora o noviciado seja um tempo de reflexão e estudo da própria vocação, nem por isso é tempo de tristeza, dizia ele.

Por isso, quando via um rapaz triste, sem alegria, com a cara amarrada, ele perguntava:

- Por que este rosto sério e fechado? Se está com fome, vá comer alguma coisa. Se está doente, vamos logo ao médico. Se está cansado e com sono, vá tirar uma soneca. Se tem algum pecado, procure um confessor. Mas, por favor, não faça uma cara de quem comeu e não gostou.

De fato, a alegria é uma característica dos cristãos católicos. Na Igreja primitiva, os cristãos eram sempre alegres. Veja algumas passagens da Bíblia:

- “Perseverantes e bem unidos, frequentavam diariamente o templo, partiam o pão pelas casas e tomavam a refeição com alegria” (At 2,46).

“Chamaram os apóstolos e mandaram açoitá-los. Proibiram que eles falassem do nome de Jesus, e soltaram-nos. Os apóstolos saíram alegres por terem sido considerados dignos de sofrer injúrias por causa do nome de Jesus” (At 5,40-41).

- “Há mais alegria em dar do que em receber” (At 20,35). Esta é a única frase que é certo que Jesus falou e não está nos Evangelhos.

“O Reino de Deus não é comida nem bebida, mas é justiça e alegria no Espírito Santo” (Rm 14,17-19).

- “Irmãos, estai sempre alegres” (1Ts 5,16).

- “Alegrai-vos sempre no Senhor. Repito: Alegrai-vos. Seja a vossa alegria conhecida de todos” (Fl 4,4-7).

Maria Santíssima cantou, no Magnificat: “O meu espírito se alegra em Deus, meu Salvador”. Ela alegrou-se, mesmo antes do Filho nascer. E nós, tantos anos depois, continuamos nos alegrando. É uma alegria misturada com gratidão. Ou melhor, uma gratidão manifestada em alegria.

Escrito por
Padre Antônio Queiróz dos Santos (Pe. Antônio Queiroz, C.Ss.R)
Pe. Antônio Queiroz, C.Ss.R

Mais conhecido como Padre Queiróz (in memoriam) recolheu ao longo de seu ministério centenas de histórias que falam de forma simples e popular da fé e das realidades do povo de Deus.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Pe. Queiróz, C.Ss.R., em Histórias de Vida

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.