Por Pe. André Gustavo de Sousa Em Igreja

A espiritualidade pascal

"Em Cristo Ressuscitado exultemos de alegria”

Amados irmãos e irmãs, já sabemos que o sentido da Cruz é a salvação da humanidade. Ela é o caminho da ressurreição, da realização plena do amor, fonte da vida e da fé. Por isso celebremos a alegria deste tempo pascal, em que as trevas de nossa vida são dissipadas e nossos corações são revestidos da Luz de Cristo.

 

morte de jesus, e ressurreição, páscoa, semana santa

"Acolher a Ressurreição de Cristo em nossa vida é
participar de sua glória".

A Páscoa de Cristo realiza a páscoa da humanidade, pois esta participa da vida nova em Cristo e é convocada a estabelecer uma relação profunda de amor com o Ressuscitado.

Convém refletir: como celebramos nossa Páscoa? A vida pode seguir o mesmo caminho, nossas lutas e desafios, alegrias e provações, mas nosso espírito deve ser renovado em Cristo Jesus, que com sua Páscoa nos dá um novo coração. Portanto, mesmo caminho, mas um caminho iluminado, de quem carrega a certeza de que em Jesus, a vida triunfou! Um novo espírito, um novo coração!

Só faz experiência do Ressuscitado quem se abre a um encontro pessoal com Ele. Acolher a Ressurreição de Cristo em nossa vida é participar de sua glória, é realizar-se plenamente, na comunhão com Ele, pois participamos verdadeiramente da redenção. E a redenção é a libertação do homem todo, a confirmação de sua vocação divina. “Todo aquele que nele crer, tem a vida eterna” (cf. Jo 3, 16)

Alegremo-nos, a ressurreição é para nós, para nossa salvação. E o Ressuscitado nos dá o Espírito Santo. Ele nos une a seu destino, vivemos com sua vida e estamos ressuscitados com sua ressurreição.

 

Deixemos brilhar em nós a luz de Cristo e não esqueçamos que em cada dia de nossa vida se atualiza esse mistério (...)

Renovemos nossa espiritualidade pascal. Deixemos brilhar em nós a luz de Cristo e não nos esqueçamos que em cada dia de nossa vida se atualiza esse mistério, pois morremos e ressuscitamos para que nosso viver seja cada vez mais identificado com a vida de Deus. Jesus abre para nós uma nova história, um novo modo de ser. Ele é o início e a meta a ser alcançada.

“Ó Deus, quão estupenda caridade vemos no vosso gesto fulgurar: Não hesitais em dar o próprio Filho para a culpa dos servos resgatar. Ó pecado de Adão, indispensável, pois o Cristo o dissolve em seu amor! Ó culpa tão feliz que há merecido a graça de um tão grande Redentor!”(Exulte)

Que o nosso Aleluia transmita a alegria da nova criação, a certeza do perdão, a unidade da família e da comunidade, para que resplandeça cada vez mais forte em nossa vida a alegria do Ressuscitado! Cristo vive e nós vivemos Nele!

          Na Alegria de Cristo Ressuscitado, feliz páscoa para todos!

Colunista Padre André Gustavo

Escrito por
Assinatura pequena André Gustavo Colunista.png
Pe. André Gustavo de Sousa

Arquidiocese de Aparecida (SP).

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Polyana Gonzaga, em Igreja

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.