Por Redação A12 Em Igreja Atualizada em 14 JAN 2019 - 10H24

Camilianos preparam Ano Vocacional e peregrinação nacional em 2019

Reprodução.
Reprodução.
Cruz vermelha marca vestimenta dos religiosos e religiosas camilianos.


Em 2019, a Ordem Camiliana, presente no Brasil, vai realizar um Ano Vocacional dedicado à promoção das vocações e também uma peregrinação nacional para divulgar o carisma e a missão de São Camilo.

São Camilo deixou como herança para a Igreja sua misericórdia junto aos doentes e sofredores, e também uma ordem religiosa para aqueles que desejam seguir o mesmo caminho. 

:: Mensagem do Papa Francisco para Dia Mundial do Enfermo 2019

A abertura do Ano Vocacional Camiliano vai ser realizada no próximo dia 02 de fevereiro, no Santuário Nacional de Aparecida, e em todos os âmbitos da Província Camiliana brasileira. Nesta data ocorre a Festa da Apresentação do Senhor e também é o dia da conversão de São Camilo.

Como parte das iniciativas, ao longo de 2019, haverá peregrinação por todo o Brasil com a imagem e a relíquia de São Camilo. Serão visitadas as comunidades, hospitais e demais obras camilianas.

“A peregrinação será mais uma oportunidade de reavivar os corações, também inflamados pelo Espírito Santo a atenderem esse chamado de Deus para ingressarem na escola de Camilo, reconhecida pela Igreja como ‘nova escola da Caridade’”, destaca nota no site dos Camilianos.

Os membros da família religiosa escolheram com tema norteador do Ano Vocacional: “Novos em Cristo: um coração solidário para amar e servir”, que reflete o desejo de “assumir a formação e a pastoral vocacional como prioridade para o triênio de 2017-2020”.

:: Saúde no Brasil: Algumas questões críticas por Pe. Léo Pessini

O Ano Vocacional se encerra no dia 08 de dezembro de 2019, durante a Solenidade da Imaculada Conceição, no Santuário São Camilo, no Rio de Janeiro.

São Camilo

São Camilo foi agraciado pelo Espírito Santo ao ter sentido em seu coração um carisma vivo e imprescindível em todos os lugares e ocasiões: ser presença misericordiosa junto aos doentes e sofredores. Ele, sempre inflamado pelo fogo da caridade, cuidava dos enfermos como uma mãe amorosa cuida de seu único filho, como se não tivesse outra preocupação no mundo. A esse exemplo, por puro amor, se entrega totalmente ao próximo, vendo nele o próprio Cristo chagado. E foi a partir desse carisma que surgiu a Ordem Camiliana, uma obra que cresce a cada dia e visa ampliar o carisma e esse olhar misericordioso de Cristo sobre o mundo, em especial sobre os enfermos, através da palavra e do cuidado missionário.

:: São Camilo de Léllis: A espiritualidade dos enfermos

O Santo, que acolheu com disponibilidade e docilidade o chamado de Deus, percebeu a dor e o sofrimento dos doentes e pobres. Viveu ele mesmo a experiência do pecado e da enfermidade.

1 Comentário

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redação A12, em Igreja

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.