Por Redação A12 Em Igreja

Diocese de Guarapuava vivencia últimos momentos do Jubileu de Ouro

Começa hoje, (23), o Tríduo em comemoração ao Jubileu de Ouro da Diocese de Guarapuava, no Paraná, que será celebrado no próximo domingo (26). A celebração terá início às 19 horas e terá como tema: “Ano Santo da Misericórdia”. 

catedral_guarapuava

Na sexta-feira (24) o tema será “Leigos e Leigas: sujeitos eclesiais”, e no sábado (25), “Vocações: chamados para servir”. Os temas pretendem motivar os fiéis para a comemoração e propor reflexões sobre as diversas realidades pastorais da diocese. Em cada dia, os fiéis irão contribuir com a oferta de alimentos, remédios e roupas para os mais necessitados.

Para o domingo, dia 26, a programação começará às 9h30 com a cerimônia de descerramento da placa comemorativa, seguida pela Missa solene com acolhida das quatro imagens peregrinas. Às 11h30, haverá apresentação da Jornada Diocesana da Juventude (Flash Mob) e, ao meio dia, um almoço de confraternização.

“Todos estão convidados a participar e celebrar em unidade este momento único da nossa Diocese”, moticou o pároco da Catedral Nossa Senhora de Belém, Padre Acácio Evêncio de Oliveira.

Segundo o assessor de comunicação da diocese, José Luiz dos Santos, desde junho do ano passado diversas atividades foram realizadas para celebrar o jubileu, entre elas a peregrinação de quatro imagens da padroeira diocesana Nossa Senhora de Belém nas dezenas de cidades que compõem a diocese; a realização de um encontro entre os bispos do Regional Sul 2, e um encontro entre os "pioneiros da diocese", leigos e padres que vivenciaram a criação da diocese na década de 60. Ainda está sendo preparada pela assessoria uma revista comemorativa que deverá ser lançada em breve. 

Foto de: Diocese de Guarapuava. 

padroeira_guarapuava

Procissão reúne fiéis na festa da padroeira
da diocese, em fevereiro de 2016. 

História

A Diocese de Guarapuava está localizada no centro-sul do Estado do Paraná. Com uma superfície de mais de 27 mil quilômetros quadrados possui uma população estimada em 553.627 mil habitantes. Nos 31 municípios que formam a diocese surgiram 47 paróquias e 1190 capelas. 

A história da padroeira da diocese, Nossa Senhora das Neves, está ligada à história da cidade. A estrela que está na bandeira de Guarapuava faz referência à estrela de Belém. De 1810 até 1819 o nome da cidade era Aldeia indígena de Atalaia. Posteriormente mudaram para “Freguesia de Nossa Senhora de Belém”, e depois para cidade de Guarapuava, segundo padre José de Paulo Bessa, do clero da diocese. 

Dessa forma, a devoção a Nossa Senhora de Belém chegou ao lugar, e aos 26 de junho de 1966 foi criada a Diocese de Guarapuava e Nossa Senhora de Belém passou então a ser Padroeira da Catedral, da Cidade e da Diocese de Guarapuava.

De acordo com o assessor, com a criação da diocese especialmente a partir do dinamismo do seu primeiro bispo, Dom Frederico Helmel, a cidade paranaense vislumbrou um crescimento significativo e decisivo para a política e as questões sociais do povo guarapuavano. 

1 Comentário

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redação A12, em Igreja

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.