Igreja

O que é tradicionalismo e conservadorismo na Igreja?

Pe. Adenilson Santos Junior C.Ss.R.

Escrito por Pe. Adenilson Santos Junior, C.Ss.R.

05 OUT 2021 - 09H07 (Atualizada em 05 OUT 2021 - 10H02)

Atualmente, pode-se perceber que várias pessoas têm questionado o que seria ‘tradicionalismo’, ‘conservadorismo’, ‘tradição’, entre outros conceitos, e quais relações estes mesmos fazem com a Igreja de Cristo.

Leia MaisQual é a missão do cristão hoje?É um tema considerado delicado para muitas pessoas. Para respondermos esta questão, se faz necessário compreender muito bem os conceitos envolvidos no tema proposto a ser aprofundado.

Temos que ter bem claro o significado de tradição para a Igreja e, de forma simples, o documento da CNBB nº2 (Sou Católico vivo minha fé), nos responde. Vejamos:

“...É o conteúdo desse rico processo de comunicação e interpretação da Escritura pela Igreja, iniciada pelos apóstolos e perpetuada até os nossos dias. A Tradição compreende, num primeiro momento, os atos e as palavras de Jesus...

Assim, podemos perceber que a Tradição que a Igreja nos aponta é a interpretação correta das Sagradas Escrituras, onde podemos ter claro o que Jesus nosso Senhor nos ensinou. Tal interpretação foi acontecendo no decorrer dos anos pela Igreja, com os santos padres e pelo Magistério eclesial.

O documento acima citado traz a resposta para a nossa pergunta principal:

É importante não confundir ‘Tradição’ com ‘tradicionalismo’. A ‘Tradição’ é a fé autêntica que recebemos dos que nos procederam; ela nos ajuda a preservar, através dos tempos que mudam, a fidelidade a Jesus de Nazaré, à sua pessoa e à sua doutrina. Já o ‘tradicionalismo' é o apego conservador a certos princípios, ritos e costumes, em oposição às novas tendências surgidas na sociedade ou na Igreja.”

Portanto, o tradicionalismo e o conservadorismo não têm relação com o Concílio Vaticano II, pois o mesmo Concílio nos pede que voltemos para as fontes, às origens do cristianismo, nos conduzindo através da Tradição da Igreja e do Magistério a ter cada vez mais intimidade com a pessoa de Jesus e sua doutrina, de forma autêntica e verdadeira.

Rezemos sempre pela nossa Igreja, para que continue trilhando o caminho da verdadeira fé, de forma coerente e conduzindo seus fiéis à pessoa de Cristo Jesus, nosso Redentor.

Escrito por
Pe. Adenilson Santos Junior C.Ss.R.
Pe. Adenilson Santos Junior, C.Ss.R.

Missionário redentorista, licenciado em Filosofia pela Faculdade João Bagozzi e Bacharel em Teologia pela PUC-PR.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Carregando ...

Reportar erro!

Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou de uma informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redação A12, em Igreja

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.

Carregando ...