Por Elisangela Cavalheiro Em Igreja

Religiosos avaliam Congresso para a Vida Consagrada, em Aparecida (SP)

O Congresso para a Vida Consagrada reúne desde a última terça-feira, 7, em Aparecida, religiosos e religiosas de todos os estados brasileiros. O evento superou expectativas ao congregar mais de 2.100 pessoas das mais diversas formas de vida consagrada. A presidente da Conferência dos Religiosos do Brasil, Irmã Maria Inês Vieira Ribeiro, mad, considerou o número de inscritos “inesperado” e avaliou positivamente a participação dos religiosos no Congresso.

Irmã Maria Ines, presidente da CRB“Nós avaliamos assim como super positivo pela sua preparação, a sua realização e esperamos depois as consequências dele. Estamos dizendo entre nós que os religiosos acolheram muito bem ao convite e inesperadamente chegamos a 2.100 pessoas consagradas de todo o país. Os religiosos e religiosas que vieram ‘entraram de cheio’ no congresso porque estão assumindo com muita responsabilidade, com muita seriedade, com muita alegria”, avaliou.

Veja os depoimentos dos religiosos: 

Frei José de AnchietaEntre os religiosos, Frei José de Anchieta da Fraternidade São Francisco de Assis na Providência de Deus, que trabalha na Santa Casa de Misericórdia de Aparecida, também assinalou o grande número de inscritos como uma oportunidade especial para a Vida Consagrada do Brasil.  

   

 

Irmã Zuleide Já para Irmã Zuleide Araújo dos Santos das Irmãs Franciscanas Imaculatinas, que residiu 30 anos fora do Brasil atuando nas Filipinas, Índia e Itália e, há um mês está de volta ao seu país, o Congresso está sendo uma oportunidade para celebrar a alegria da consagração de tantos homens e mulheres ao reino de Deus.

    

 

Irmã EleusaO encontro favoreceu ainda a troca de experiências entre religiosos que habitualmente vivem na clausura e mantém pouco contato fora dos muros dos mosteiros, é o caso da monja concepcionista, Irmã Eleusa Maria, que veio de Jataí, Goiás. Para a monja o Congresso oportunizou “vislumbrar” o outro lado da vida religiosa e a compreensão de que não existe uma “separação” entre a vida contemplativa e a vida ativa religiosa.         

 

Padre Tiago Nessa diversidade de carismas, também estiveram presentes inúmeros consagrados que pertencem a Institutos Seculares e Sociedades de Vida Apostólica, como o Padre Tiago da Comunidade Semente do Verbo de Belém do Pará. Para o sacerdote os temas escolhidos para o Congresso favoreceram de forma privilegiada a formação dos religiosos.

  

  

 Veja a galeria de imagens desta quinta-feira, 09: 

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Elisangela Cavalheiro, em Igreja

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.