Por Frei Rinaldo, osm Em Igreja

Saúde e Fé: ‘Importância dos alimentos saudáveis para os idosos’

Queridos internautas.

Deus os abençoe com toda sorte de bênçãos físicas e espirituais.

Nesse mês vamos dedicar nossa matéria sobre a importância dos alimentos saudáveis para àqueles que já viveram bastante e ainda tem um longo caminho pela frente: os idosos.

Alimentação na melhor idade

Sabemos que cada pessoa envelhece no seu próprio ritmo. É natural que com o passar dos anos o corpo começa a apresentar algumas mudanças, algumas delas até imperceptíveis, mas que vão acentuando no decorrer do tempo.

Por isso que o cuidado com a alimentação é essencial. Talvez a primeira coisa a se pensar é o critério na escolha e na compra dos alimentos: ver a procedência dos mesmos, a aparência, o cheiro, a textura, o prazo de validade, as embalagens, o armazenamento em temperaturas adequadas (principalmente os congelados).

Uma outra preocupação é sobre os cuidados no armazenamento dos alimentos: guardar em lugares limpos e arejados com uma adequada temperatura e boa circulação de ar; consumir primeiro aqueles que possuem as datas de validade próximas ao vencimento; ter o cuidado de fazer a higiene pessoal antes de manuseá-los para prevenir contaminações desnecessárias. Alimentar-se em ambientes bem iluminados e seguros.

Em relação aos tipos de alimentos a serem escolhidos, eis algumas dicas:

  • Dar preferência aos alimentos menos gordurosos (evitar as gorduras do leite e da carne);
  • Usar óleos vegetais para cozinhar os alimentos;
  • Não abusar do açúcar, do sal, da pimenta;
  • Evitar os enlatados e embutidos;
  • Optar pelos alimentos da estação (da safra);
  • Evitar as frituras;
  • Não deixar o alimento cozinhando por muito tempo para não perder os nutrientes;
  • Optar pelos cereais integrais ou até mesmo àqueles feitos com farinha integral (pães e bolos);
  • Colocar à mesa alimentos ricos em fibras (verduras, legumes e frutas);
  • Abusar das saladas fresquinhas e limpas;

Sabemos que muitos idosos tem dificuldades na mastigação e até mesmo para engolir alguns alimentos, por isso, sempre é bom moer, ralar ou picar em pedaços menores evitando, inclusive o engasgo, a aspiração ou a asfixia durante o consumo dos mesmos. A ajuda de um profissional (nutricionista) para auxiliá-los na maneira ideal de se preparar alguns pratos é fundamental.

A pessoa com mais idade tem que gostar e se alimentar com prazer e disposição. Tudo isso são soluções baratas e está ao alcance de todos e que podem fazer uma grande diferença na vida daqueles que conquistaram essa etapa da vida e querem viver mais e melhor alimentando-se bem e saudavelmente.

Viva mais, viva melhor...viva com saúde.

Com carinho e bênçãos;

Assinatura Frei Rinaldo ATUALIZADA colunista

Escrito por
Assinatura pequena Frei Rinaldo Colunista.png
Frei Rinaldo, osm

Frei Rinaldo, osm

1 Comentário

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Polyana Gonzaga, em Igreja

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.