Por Frei Rinaldo, osm Em Igreja

Saúde e Fé: O que é ‘Erisipela’?

Querido leitor

Deus o abençoe com toda sorte de bênçãos físicas e espirituais.

 

médico

Hoje vamos falar de um problema que se torna visível em milhares de pessoas, principalmente nos pés e nas pernas com aquela pele escurecida, avermelhada, com bolhas ou feridas. Estamos falando da Erisipela, nome que significa “pele vermelha”. Também conhecida como Zipra, esipra ou zipla.

Trata-se de uma infecção da pele causada por uma bactéria (streptococcus pyogenes do grupo A) que entra no organismo através de ferimentos, picadas de inseto, micoses de unhas e até frieiras (fungos).

O problema pode aparecer tanto em homens como nas mulheres. Há um grupo de risco bastante vulnerável à infecção: são os portadores de diabetes, que devem ficar atentos a qualquer tipo de anormalidade nas pernas e nos pés, pois o diabetes compromete a sensibilidade da pele e às vezes o paciente nem percebe o quadro de infecção instaurado no local.

Os obesos, os cardiopatas , os nefropatas (rins), os pacientes de doenças crônicas também devem ficar atentos, pois estes também estão no grupo de risco. Os sintomas mais aparentes da doença são: febre alta, tremores e calafrios, mal-estar, vômitos, náuseas, dor na perna, inchaço (edema), pele avermelhada.

Em alguns casos aparecem aquelas terríveis bolhas. O médico pede uma bateria de exames clínicos e laboratoriais para iniciar o tratamento que consiste no uso de antibióticos(orais ou intramuscular), antiinflamatórios, analgésicos e antitérmicos, pomadas tópicas, bastante repouso, inclusive com elevação do membro afetado.

Lembrando que se trata de uma infecção, portanto todo cuidado é pouco, pois a erisipela pode trazer consequências gravíssimas, tais como: o linfedema pós-infeccioso (aparência de necrose do tecido da pele), comprometendo a circulação sanguínea normal.

Algumas recomendações importantes para uma boa higienização no local: secar bem os pés (principalmente entre os dedos) para evitar o avanço da bacteria; controlar o peso e o diabetes; usar meias elásticas para reduzir o inchaço nas pernas e, na primeira suspeita de infecção, procurar ajuda médica. Uma boa notícia: a doença não é contagiosa, mas requer cuidados bem específicos.

Assinatura Frei Rinaldo ATUALIZADA colunista

Escrito por
FREI RINALDO-40 (Juan Ribeiro )
Frei Rinaldo, osm

Frei Rinaldo, osm, nasceu na cidade de Cambará do Sul (RS) e desde muito cedo manifestou seu desejo pelas coisas de Deus. Ingressou aos 13 anos no Seminário Menor Nossa Senhora das Dores da Congregação Religiosa chamada Ordem dos Servos de Maria (OSM). Em 1993 professou, no Chile, os votos solenes, consagrando-se religioso definitivamente.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Polyana Gonzaga, em Igreja

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.