Por Redação A12 Em Evangelhos Atualizada em 19 JUL 2018 - 14H21

Evangelho em Libras | 16º Domingo do Tempo Comum – Ano B


Reflexão: Pe. Luiz Camilo Jr - C.Ss.R
Interprete: Magali de Castro Faria


16º Domingo do Tempo Comum – Ano B

Naquele tempo, os apóstolos reuniram-se com Jesus e contaram tudo o que haviam feito e ensinado. Ele lhes disse: “vinde sozinhos para um lugar deserto e descansai um pouco”. Havia, de fato, tanta gente chegando e saindo que não tinham tempo nem para comer. Então foram sozinhos, de barco, para um lugar deserto e afastado. Muitos os viram partir e reconheceram que eram eles. Saindo de todas as cidades, correram a pé, e chegaram lá antes deles. Ao 
desembarcar, Jesus viu uma numerosa multidão e teve compaixão, porque eram como ovelhas sem pastor. Começou, pois, a ensinar-lhes muitas coisas. 
— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor!

No Evangelho, vemos os Apóstolos voltando, depois de terem sido enviados por Jesus em missão. Voltam para junto de Jesus para partilhar tudo o que realizaram em nome Dele, para partilhar as realizações missionárias. Jesus se alegra em ver seus discípulos realizando bem a missão a eles confiada. Ao anunciar Jesus, os apóstolos atraem uma multidão que vem atrás deles, pois as pessoas sempre terão fome de vida e de esperança, e elas seguem os apóstolos no desejo de fazer o encontro com Cristo. Mas Jesus sabe que a missão é cansativa e que os missionários precisam descansar para refazer suas energias e seu ânimo, pois a missão tem que ser continuada. Por isso, Jesus os convida para irem com ele a um lugar afastado da multidão para descansar um pouco. Mas as multidões o seguem e chegam ao local antes deles. Quando Jesus com seus discípulos desembarcam ele vê aquela multidão de necessitados e tem compaixão. A compaixão faz com que sintamos a dor do outro. A compaixão nos move a lutar contra a indiferença, por isso a compaixão é transformadora. Por isso Jesus, ao sentir compaixão pela multidão, adia o descanso com seus discípulos e se coloca ao lado as pessoas para revestir novamente a vida de esperança. 


Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redação A12, em Evangelhos

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.