Por Redação A12 Em Evangelhos Atualizada em 22 DEZ 2017 - 13H25

Evangelho em Libras | 4º Domingo do Advento - Ano B


Reflexão: Padre Marcelo Magalhães - C.Ss.R


4º Domingo do Advento
(Lc 1,26-38)

Naquele tempo, o anjo Gabriel foi enviado por Deus a uma cidade da Galileia, chamada Nazaré, a uma virgem, prometida em casamento a um homem chamado José. Ele era descendente de Davi e o nome da virgem era Maria. O anjo entrou onde ela estava e disse: “Alegra-te, cheia de graça, o Senhor está contigo!”
Maria ficou perturbada com essas palavras e começou a pensar qual seria o significado da saudação. 
O anjo, então, disse-lhe: “Não tenhas medo, Maria, porque encontraste graça diante de Deus. Eis que conceberás e darás à luz um filho, a quem porás o nome de Jesus. Ele será grande, será chamado Filho do Altíssimo, e o Senhor Deus lhe dará o trono de seu pai Davi. Ele reinará para sempre sobre os descendentes de Jacó, e o seu reino não terá fim”. 
Maria perguntou ao anjo: “Como acontecerá isso, se eu não conheço homem algum?”
O anjo respondeu: “O Espírito virá sobre ti, e o poder do Altíssimo te cobrirá com sua sombra. Por isso, o menino que vai nascer será chamado Santo, Filho de Deus. Também Isabel, tua parenta, concebeu um filho na velhice. Este já é o sexto mês daquela que era considerada estéril, porque para Deus nada é impossível”. Maria, então, disse: “Eis aqui a serva do Senhor; faça-se em mim segundo a tua palavra!” E o anjo retirou-se. 
— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor. 

REFLEXÃO
Estamos às vésperas do Natal do Senhor. Por isso, a liturgia deste domingo nos convida a preparar o coração, a família e a comunidade para ser uma digna morada para Jesus que deseja nascer no meio de nós e dentro de nós. O Evangelho nos convida a rezar o sim de Maria ao projeto do Pai. Maria é uma mulher simples, e Deus a escolhe para ser a Mãe do Salvador. O Sim de Maria é expressão do seu coração sempre disponível para servir. No primeiro momento Maria sente medo diante do anúncio do Anjo, mas este a encoraja dizendo: “Não tenhas medo Maria, Deus está contigo”. E revestida de amor e fé Maria reza: “Faça-se me mim segundo a tua palavra”. Maria responde com liberdade e generosidade ao projeto de Deus, e vai perseverar neste sim por toda a vida. Ela não se sente melhor do que as outras mulheres por ter sido escolhida por Deus, pois reconhece que Deus ao olhar para sua humildade enxergou todos os humildes da terra. Por isso, o sim de Maria é modelo para o sim que nós precisamos dar também à vontade de Deus. Pois somente assim, Cristo continuará acontecendo em nós e, a exemplo de Maria, seremos capazes de levar Cristo para a vida dos outros também. 

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redação A12, em Evangelhos

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.