Por Redentoristas Em Notícias

Como celebrar bem uma Missão Popular?

Missões Redentoristas Santo André

Depois da realização da Missão da Visitação e da Missão nas Famílias uma comunidade paroquial que está vivendo a graça das Santas Missões se organiza para celebrar a sua 3ª fase.

Esta é o tempo forte e mais intenso do processo missionário que pode durar de 10 a 15 dias nas comunidades maiores. Nesse tempo se proclama com alegria a Boa Nova de Jesus Cristo, Palavra de Deus feito carne que vivifica, ilumina e transforma a existência dos seres humanos, chamando-os ao seguimento através da conversão radical da vida no seio da comunidade.

Missão, vida de Jesus para os povos da América Latina

Nos dias da 3ª fase são realizados atos celebrativos voltados para todas as pessoas das comunidades em missão. Estas celebrações acontecem em vários horários ao longo do dia, a fim de facilitar a participação dos diversos grupos humanos. Em todas elas acontece um aprofundamento da Palavra de Deus através da pregação explícita. Depois de partilhada, a palavra é rezada, num profundo encontro com Deus e com os irmãos da comunidade.

O anúncio explícito da Palavra de Deus pode acontecer durante uma celebração eucarística, mas também são realizados outros atos que se relacionam com a temática central baseada nas verdades de fé. Os momentos mais apreciados pelas pessoas são a caminhada que se faz pela manhã rezando o rosário pelas ruas da comunidade e também a celebração da tarde onde se reza a religiosidade popular através das bênçãos.

Na primeira semana de uma missão são desenvolvidos os temas centrais da fé cristã como o projeto amoroso de Deus, a pessoa de Jesus Cristo, a vocação do ser humano, o pecado, a vida da igreja e a figura de Nossa Senhora. Na segunda semana são desenvolvidos temas que visam levar à pessoa à vivência comunitária, começando com a convocação de todos à participação nas pastorais, movimentos e serviços na comunidade, além do fornecimento de subsídios para a continuação da missão nos Setores Missionários.

Outro marco de relevo da 3ª fase das missões é a realização de encontros voltados para os diversos grupos humanos da Igreja como crianças, adolescentes, jovens e casados. E durante todo o tempo da missão os missionários estão disponíveis para o aconselhamento, para a direção espiritual e para o atendimento individual de quem necessita.

 Importância dos Setores Missionários

Nas primeiras etapas de uma missão a paróquia que está sendo missionada é organizada em comunidades. Estas, por sua vez, passam por um processo de setorização que se dá com a criação dos grupos de famílias, cada um com a sua Equipe de Animação.

Nos últimos dias de uma missão busca-se incentivar a continuação dos Setores Missionários na etapa que é chamada de Tempo da Perseverança ou de Pós-Missão. Os pequenos grupos, formados cada um por 25 a 30 famílias, se deixam inspirar pelas primeiras comunidades cristãs como narram os Atos dos Apóstolos. Estes setores caminham para se transformar em pequenas comunidades de base ou na base da vida paroquial para que a Igreja seja uma presença forte na vida da comunidade ou da sociedade.

Podemos sintetizar os objetivos dos Setores Missionários nos seguintes pontos:

A) Continuar o processo de renovação paroquial na descentralização e na formação de comunidades vivas de fé.

B) Despertar e fortalecer o protagonismo dos leigos, ajudando a Igreja local a ser uma Igreja mais ministerial e carismática, o que é próprio da realidade do novo povo de Deus.

C) Continuar o processo de aproximação do povo com a Palavra de Deus, aprofundada e vivenciada na comunidade para que a realidade seja transformada conforme os valores do Reino de Deus.

D) Incentivar o espírito missionário nas comunidades que se organizaram ou que surgiram a partir das missões para que vivenciem cada vez mais este espírito apostólico.

E) Contribuir com a continuidade das Santas Missões.

 A continuidade das Santas Missões

Com as Santas Missões populares a paróquia que foi missionada passa a perceber que um novo modo de ser Igreja muito mais participativo pode ser perfeitamente vivenciado: Setores Missionários formam uma comunidade, comunidades formam uma paróquia, paróquias formam uma diocese e as dioceses se irmanam formando a Igreja de Jesus Cristo que está aqui no Brasil.

A perseverança ou a Pós-Missão é o tempo do amadurecimento da fé e da comunhão dos fiéis leigos entre si e com os seus pastores. Desta forma o encontro com Jesus Cristo vai sendo aprofundado, sob as luzes do Espírito Santo. Esse mesmo Espírito que gerou a irmandade na fé, vai impulsionando a todos para continuar a grande tarefa missionária.

Depois de um tempo de caminhada que varia de seis meses a um ano a Equipe Missionária pode ser convidada a retornar à paróquia para ajudar no trabalho de formação permanente dos Agentes de Pastorais Leigos, especialmente os Coordenadores e Auxiliares Missionários. Nesta volta dos missionários são realizadas jornadas de formação e de espiritualidade. No retorno dos missionários à paróquia missionada se faz também o acompanhamento das pequenas comunidades que continuaram se encontrando e se reunindo semanal ou quinzenalmente.

Neste sentido os missionários redentoristas têm diversos subsídios preparados para ajudar no processo de continuação das Santas Missões.

A vasta experiência que os redentoristas em na pregação das Santas Missões mostra que a continuação de uma missão depende muito do apoio dos pastores locais. Disso resulta uma maior perseverança nos frutos das missões que vão sendo continuadas através de outras iniciativas. Uma delas é a criação de um Conselho Missionário Paroquial que junto com o pároco constitui-se como o organismo animador e motivador da caminhada paroquial.

:: Saiba como se prepara uma Missão Popular

 

4 Comentários

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redentoristas, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.