Por Fr. Jonas Luiz de Pádua, C.Ss.R. Em Notícias Atualizada em 25 JAN 2019 - 08H51

Jornada Mundial Afonsiana reúne família redentorista no Panamá

Com a presença de aproximadamente 700 jovens redentoristas do mundo todo, a Jornada Mundial Afonsiana de 2019 foi um sucesso!

Reprodução.
Reprodução.
Nenhuma legenda adicionada


Muita alegria, música, danças, apresentações culturais e oração deram tom à quarta edição da Jornada Mundial Afonsiana, que aconteceu ontem (23) na Paróquia São Geraldo Majella, no Panamá. 

Pela manhã, os jovens foram acolhidos e convidados a participar da missa que teve a primeira profissão religiosa de dois missionários da Província da América Central, Fermín e Jonathan. Participaram do evento missionários de várias unidades redentoristas do mundo, entre eles religiosos afiliados ao carisma e leigos da comunidade local. 

O nosso superior geral, Pe. Michael Brehl, C.Ss.R, nos acolheu e agradeceu a presença de todos os jovens redentoristas, especialmente pela coragem, motivando-nos a sermos verdadeiramente missionários e testemunhas do Redentor.

"Não tenham medo! Vocês não são servos, mas amigos", disse o superior. "É necessário fazer missão COM os jovens e não PARA os jovens. Não ao lado, mas todos juntos, a fim de formar uma única família de Deus. Queremos ser missionários e testemunhar com os jovens", evidenciou padre Brehl, recordando um pedido do Sínodo da Juventude. 

Depois do almoço, a programação continuou com muita animação e testemunhos vocacionais. Entre eles, o do Missionário Redentorista, padre Marcelo Araújo, C.Ss.R., presidente da Conferência Redentorista da América Latina e Caribe.

Um momento bastante emocionante uniu todos no momento da Hora Santa Eucarística. Cada delegação do país pode fazer uma oração, e o grupo de peregrinos venezuelanos rezou pela cruz que carregam com a ditadura e perseguição que vivem em seu país.

No início da noite, no Festival Afonsiano de Talentos, vários grupos apresentaram danças típicas de seus países: Costa Rica, Bolívia, Paraguai, Polônia, Filipinas, Argentina, Senegal, Venezuela. Nós do Brasil, apresentamos uma quadrilha com vários ritmos brasileiros: funk, samba, axé... Foi uma noite inesquecível! 

O encontro todo foi muito emocionante e participativo. Rezando e louvando em vários idiomas, formamos uma única Família Redentorista. 

Confira alguns momentos da JMA 2019



Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Fr. Jonas Luiz de Pádua, C.Ss.R., em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.