Por Redentoristas Em Notícias Atualizada em 11 JAN 2019 - 10H46

CAS Copiosa Redenção encerra atividades do ano com sarau

Para fechar o ano com chave de ouro, foi realizado no dia 13 de dezembro, o segundo sarau do CAS Copiosa Redenção, com a presença dos participantes de todas as oficinas e também das famílias, comunidade e instituições parceiras.

As participantes da oficina de artesanato realizaram a abertura do evento com um desfile, mostrando as peças produzidas durante o ano de 2018. Também havia exposição de todas as peças de artesanato, para que as famílias e pessoas pudessem ver o trabalho que foi realizado durante o primeiro e segundo semestre deste ano.

Os adolescentes da oficina interativa realizaram a leitura de um texto falando da importância do grupo, agradecendo pela existência do CAS e pelo trabalho que realizamos com eles durante este ano. Encerraram o texto falando sobre empatia e gratidão e distribuíram várias frases de motivação para os participantes.

Na oficina de informática, os participantes prepararam vários cartazes com fotos, falando da criação dos computadores e celulares e do processo de evolução do mesmo. Todos os cartazes foram expostos no local do evento.

oficina de dança trouxe um momento de reflexão para todos, ao falar sobre a importância da família e alertar sobre o uso da tecnologia de forma excessiva. Rebeca, a personagem da apresentação, sentia-se triste e sozinha, quando se encontra com uma fada e assim segue todas as danças. Cada dança vai despertando a alegria em Rebeca e também pela realização de seus sonhos pela ação da fada. No final, a família de Rebeca se reúne e percebe o quanto é importante terem um tempo juntos, sem o uso do celular. 

Para finalizar o evento, a oficina interativa da memória, convidou todos para juntos cantarem a música “Natal todo dia”. Com gestos simples, mas significativos para muitos, como o abraço e o aperto de mão marcou nosso encerramento, lembrando que todos os dias devemos renovar nossas amizades e recomeçar o dia com palavras de perdão e lembrar que o Natal é  tempo de amor.

Arlete Ferreira da Silva Lopes
Coordenadora


Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redentoristas, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.