Por Redentoristas Em Notícias Atualizada em 18 JAN 2019 - 16H17

II Feira de Exposição no CAS Perpétuo Socorro

O Centro de Assistência Social Perpétuo Socorro (CASPS) realizou no dia 14 de dezembro de 2018, a II Feira de exposições do CAS, com o tema “Quem semeia o bem, semeia o amor e colhe a paz!”, tendo como objetivo a exposição dos trabalhos realizados ao longo do ano em todas as oficinas, integrando os beneficiários, promovendo interação e sensibilizando quanto à importância da gratidão.

A feira contou com diversas apresentações dos Programas Semear, Inclusão Jovem, SOS Família e Vida Ativa. O evento começou com um alongamento coordenado pelo monitor Luís Felipe juntamente com os beneficiários do Programa Vida Ativa.

Umas das participantes do Programa Inclusão Jovem encantou a todos com sua linda voz ao cantar a música “Pra ser Feliz” do cantor Daniel.

Realizaram-se várias apresentações de dança com a participação das crianças e adolescentes dos Programas Semear e Inclusão Jovem e também de alguns monitores, e ainda uma peça teatral sobre a diversidade. 

As coreografias, feitas e ensaiadas pela monitora Renata, representaram alguns temas abordados no decorrer do ano como: diversidade, gratidão, família, amizade e a campanha de prevenção ao suicídio do Setembro Amarelo. Durante as danças pode-se notar a superação, empenho e realização de cada um.

A exposição contou com telão com exibição das fotos de todas as atividades que ocorreram durante o ano e com um vídeo gravado pelos beneficiários do Programa Semear dizendo por que gostam de dançar e qual a importância da dança em suas vidas.

As beneficiárias do Programa SOS Família participantes dos grupos de Cidadania e Orientação Familiar prepararam a apresentação de um teatro alertando sobre a ocorrência da violência doméstica e a necessidade de denunciar tais casos, além de um coral com a música “Canta, Canta Minha Gente”, com o intuito de motivar a todos de que “a vida vai melhorar”.

Foi feito ainda simbolicamente a passagem pela “ponte” ao som da música “Vamos Construir” com a ideia de retomar as lembranças do que foi construído no decorrer do ano em conjunto aos que passavam pelo CAS, com “ponte construída”, prontos para traçar novos caminhos, rumos e direções e também abrindo uma nova passagem para várias outras pessoas que também tenham esse objetivo: o da transformação.

Para finalizar, houve a apresentação nas salas da oficina de artesanato, grupo de Cidadania e grupo de Orientação Familiar do Programa SOS Família e das oficinas do Programa Semear e Inclusão Jovem, familiarizando todas as pessoas com as atividades realizadas neste ano no CAS.

Renata Christina Rodrigues Brasil – Monitora de dança


Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redentoristas, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.