Por Pe. José Pereira, C.Ss.R. Em Palavra Redentorista

Fonte do Amor

O olhar pousa no amor
Traz em si gesto transformador,
Vem terminar a angústia
E colocar a travessia.
Parte da vida, do sol
É alegria, festa, novo arrebol.
O amor nasce na vivência,
E derruba os muros da consciência.
Sou festa na estrada,
Brindo sua chegada,
Festejo esta bem amada
Que nasce da caminhada.
Vem como fogo a queimar,
E que no peito morar.
Vem sentimento,
Nasce deste momento,
Invade meu coração,
Toma toda minha emoção,
Minha sensibilidade.
Vem, minha única verdade,
És do mar a fonte
Que ultrapassa o horizonte,
Vai à eternidade,
Enfim é a felicidade.

Escrito por
Pe. José Pereira, C.Ss.R. (Arquivo UNESER)
Pe. José Pereira, C.Ss.R.

Redentorista, formado em Filosofia, Teologia e Administração de Empresas. Entre seus escritos, encontram-se: Novena da Saúde, Novena a São Judas Tadeu, Novena a Santo Afonso, e livros de poesias (Dialogando o Amor, Caminhos do Amor, Lindo é o Amor, Maria: Mãe de Amor e Pingos de Amor).

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Vanessa da Silva, em Palavra Redentorista

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.