Por Secretariado Vocacional Redentorista Em Notícias

“Sair, ver e chamar”: o dinamismo da Pastoral Vocacional segundo o Papa Francisco

A cultura vocacional e o chamado de Deus em um contexto atual foram temas do Encontro Internacional de Pastoral Vocacional, promovido pela Congregação para o Clero entre os dias 19 e 21 de outubro, em Roma.

Na sexta-feira (21), o Papa concluiu sua série de audiências recebendo na Sala Clementina, no Vaticano, cerca de 255 participantes deste encontro. Em seu discurso, Francisco apresentou três verbos evangélicos para indicar o dinamismo de toda pastoral vocacional: “sair, ver e chamar”.

 

"Perseverem em ser próximos, sair, semear a Palavra com olhares de misericórdia." (Papa Francisco)

Explicando o primeiro verbo “sair”, disse: “A Pastoral Vocacional precisa de uma Igreja em movimento, capaz de ampliar seus confins, com base no grande coração misericordioso de Deus. Devemos aprender a sair da nossa rigidez, que nos tornam incapazes de comunicar a alegria do Evangelho, das análises preconcebidas que envolvem a vida das pessoas em esquemas frios”.

Dirigindo-se sobretudo aos pastores da Igreja, aos Bispos e aos Sacerdotes, o Papa disse: “Vocês são os principais responsáveis das vocações cristãs e sacerdotais; saindo, vocês podem ouvir os jovens, ajudá-los a discernir as ações dos seus corações e orientar os seus passos. Somos chamados a ser pastores no meio ao povo, a animar a pastoral do encontro e a dispor de tempo para acolher e ouvir os outros, sobretudo os jovens.

 

papa_francisco_3_1_1

 

Na sequência, o Santo Padre explicou o verbo “ver”. “Quando Jesus passa pelas ruas, para e cruza seu olhar com o do outro, sem pressa. Eis o que torna atraente e fascinante o seu chamado. Hoje, infelizmente, a pressa e velocidade dos estímulos nem sempre deixam espaço ao silêncio interior, no qual ressoa o chamado do Senhor”.

Sobre o verbo “chamar”, Francisco acrescentou: “Jesus não faz longos discursos, não apresenta um programa a se aderir e nem respostas preconcebidas. Eles se limita em dizer ‘segue-me’, Jesus suscita o desejo de pôr-se em marcha e de deixar uma vida sedentária”.

Este desejo de busca destaca-se sobretudo nos jovens: é o tesouro que o Senhor coloca em nossas mãos, que deve ser mantido, cultivado e germinado. O Pontífice convidou os presentes a ajudar os jovens a pôr-se a caminho e descobrir a alegria do Evangelho de Jesus. E concluiu, exortando sobretudo os Bispos e Sacerdotes:

“Perseverem em ser próximos, sair, semear a Palavra com olhares de misericórdia. Tenham coragem de promover a Pastoral Vocacional mediante métodos possíveis, exercendo a arte do discernimento. Não tenham medo de anunciar o Evangelho com generosidade, de encontrar e orientar a vida dos jovens”.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Secretariado Vocacional Redentorista, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.