Por Victor Hugo Barros Em Imprensa Atualizada em 24 JAN 2019 - 16H04

Novo reitor do Santuário Nacional toma posse dia 27

Celebração acontece às 18h no Altar Central e será presidida pelo Arcebispo de Aparecida, Dom Orlando Brandes


Ivan Simas
Ivan Simas
Pe Carlos Eduardo Catalfo novo Reitor do Santuário Nacional de Aparecida


A história do Santuário Nacional de Aparecida ganha novas páginas a partir do próximo domingo (27). Nesta data, o Missionário Redentorista, padre Carlos Eduardo Catalfo,C.Ss.R., assume como novo reitor do maior centro de peregrinações da América Latina. A celebração de posse acontece durante a missa das 18h, no Altar Central da Basílica. A missa será presidida pelo Arcebispo da Arquidiocese de Aparecida, Dom Orlando Brandes.

A nomeação foi divulgada no começo deste mês pelo Superior Provincial dos Missionários Redentoristas da Unidade de São Paulo, padre Marlos Aurélio da Silva, C.Ss.R.. O religioso vai substituir o padre João Batista de Almeida, que exerceu os trabalhos do Santuário entre 2015 e o começo de 2019.

Além de reitor, padre Catalfo assume também o cargo de Superior da Comunidade Religiosa e Vigário Episcopal para o Santuário Nacional. A nomeação para as funções é válida para o quadriênio de 2019 a 2022.

Com 50 anos, padre Carlos Eduardo Catalfo nasceu em 5 de dezembro de 1968, em São Paulo (SP). Recebeu a ordenação diaconal em 20 de fevereiro de 1996, pelas mãos do então Cardeal Arcebispo de Aparecida, Dom Aloísio Lorscheider. Foi ordenado sacerdote por Dom José Aparecido Tosi Marques em 20 de julho do mesmo ano na Paróquia de Santo Antônio, em São Carlos (SP).

De 1996 a 2002, trabalhou na Editora Santuário. Depois, foi movido para a Comunidade Redentorista do Jardim Paulistano, em São Paulo (SP), sede da Província Paulista. Ali, exerceu o ministério de vigário paroquial na Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro até 2005.

Neste mesmo ano, viajou e residiu em Roma para se especializar em Teologia Dogmática. Em 2007, regressou ao Brasil, morando na Comunidade do Alfonsianum, no Ipiranga, lecionando o Instituto Teológico de São Paulo (ITESP), de 2009 a 2010, onde também foi Superior da Comunidade.

Em 2011, voltou à Roma para fins de estudos. No ano seguinte, voltou ao Brasil para exercer o cargo de pároco da Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, no Jardim Paulistano, enquanto prosseguia seus estudos acadêmicos e lecionava no ITESP.

No início desse ano foi nomeado Reitor do Santuário Nacional. Sua nomeação foi publicada no dia 05 de janeiro de 2019, dia de São João Neumann, santo católico que também pertenceu à Congregação do Santíssimo Redentor.

Fonte: Santuário Nacional

1 Comentário

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Victor Hugo Barros, em Imprensa

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.