Código Personalizado
Revista de Aparecida

É preciso ter tempo para falar de tempo

Escrito por Pe. Ferdinando Mancílio, C.Ss.R.

14 NOV 2022 - 11H55 (Atualizada em 11 JAN 2023 - 08H20)

Família dos Devotos

Vivemos num tempo exigente, mas também muito rico, profícuo, pois nos faz compreender coisas boas e belas.

Ele exige escolhas, e não permite que fiquemos amorfos (sem formas) diante dos fatos, acontecimentos, realidades. Sem dúvida ressoa entre nós, como que Deus mesmo fazendo ressoar em todo o universo seu convite: “Venha escutar o que o tempo tem a dizer”. Pensemos, pois, pelo menos um pouco, sobre isso!

Se estivéssemos andando pela Palestina e com os “olhos bem abertos” iríamos perceber que em cada monte ou colina, em cada estrada ou avenida, em cada vale ou planície, encontraríamos sinais de Deus, da História da Salvação. Foi aí que o povo de Israel foi compreendendo que em sua história tinha alguém que fazia história com ele. Descobriu a presença de Deus nos fatos e acontecimentos sempre impregnados da presença e sinais divinos.

Belo é o olhar de quem percebe o que Deus está dizendo sem dizer palavra alguma. Escutar e ver são próprios de quem ama, de quem quer levar adiante sua fé autêntica.

A presença divina em nossa vida e na história que fazemos é tão bela; é como a raiz que silenciosa alimenta a planta inteira. Assim, a certeza de seu amor vai firmando nossa vida sobre a rocha. Belo é ver para além do que se vê, e os exegetas fazem exatamente isso diante da Palavra do Senhor, para nos ajudar a olhar para além daquilo que vemos ou ouvimos.

O fundamentalista não vê nem admite essa bela possibilidade de crescimento na compreensão da Palavra, e por isso mesmo não evolui. Os tradicionalistas emperram o tempo e no tempo, e não deixam outros caminharem adiante. São terríveis, pois não admitem que outros tenham centelhas de verdade, senão a que apenas eles admitem. Em nossos dias esse tipo de pensamento ou de atitudes tem grassado entre nós.

Portanto, olhar o tempo de Deus entre nós é compreender a grandeza e a beleza da salvação que o Senhor nos oferece por meio de seu Filho Jesus.

O povo de Israel compreendeu muito bem o que se dava ou acontecia com ele nessa hora de sua história. Por isso, é muito bonito compreender como Deus vai realizando sua Aliança emaranhando-se em nossa história. A história bíblica é uma história profundamente carregada de história humana, de fatos mais ou menos relevantes entre nós. A começar pelo ser humano escolhido por Deus para fazer com Ele a História da Salvação. Sim, foram escolhidos por Deus, mas não deixaram de ser humanos, e como humanos assumiram a História divina.

Então, diante desses lampejos reflexivos, você poderá continuar a pensar e redescobrir a presença do Senhor em sua vida e em sua história. É o mesmo Deus e o mesmo Jesus de ontem, de hoje e de sempre que caminha conosco. Estamos dispostos a deixar Deus penetrar nossa história, e com Ele fazermos a história de nosso tempo? Só você poderá tomar sua decisão e escolher seu caminho.


Receba a Revista de Aparecida em sua casa e ajude o Santuário Nacional.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Pe. Ferdinando Mancílio, C.Ss.R., em Revista de Aparecida

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.

Bem vindo!


Para completar seu cadastro, por favor, verifique seu e-mail e defina sua senha.
Caso não encontre o e-mail na sua caixa de entrada, por favor, verifique na caixa de SPAM/TRASH/LIXO ELETRÔNICO.