Por Priscila Ferreira Em Crescendo na Fé Atualizada em 15 OUT 2020 - 10H04

Dia do Professor: Um desafio de amor

Arquivo pessoal
Arquivo pessoal


São Geraldo Majella, nosso patrono, nos ensina sempre a fazer a vontade de Deus. É dele essa frase: “Alguns se preocupam em fazer isto ou aquilo. Eu só tenho a preocupação de fazer a vontade de Deus." Mais do que nunca, somos desafiados a viver esse anseio, principalmente dentro das nossas realidades como a escola/faculdade.

Leia Mais3 ensinamentos de São Geraldo Majella para terminar bem o ano!

As aulas, por conta da pandemia, estão sendo à distância e viver esse ensino remoto quase todo dia não está sendo fácil para ninguém. Mas também não podemos esquecer dos professores. A Regiane Camargo é professora de ensino médio e nos conta como esse período tem sido desafiador:

“Em meu público, particularmente no Ensino Médio, tenho percebido muito silêncio, e isso é algo que às vezes não sabemos interpretar, tendo em vista que estamos com aulas remotas, em ambiente virtual. O silêncio pode nos demonstrar compreensão, clareza mas também desinteresse e falta de motivação.

Diferentemente de outras faixas etárias, o aluno do Ensino Médio resiste muito em abrir as câmeras, e isso se dá por escolha, e não por limitação de recurso tecnológico. Grande parte deles mantém comunicação durante as aulas somente via chat, o que para mim é muito desconfortável ,pois estava acostumada com muita conversa e chuva de comentários nas aulas presenciais."

Arquivo pessoal
Arquivo pessoal


A relação aluno-professor mudou bastante. Antes, as conversas eram mais profundas e, consequentemente, todos conseguiam se entender mais e melhor. Porém, agora vivemos outras formas de nos relacionarmos.

“Acredito que a relação professor-aluno foi adaptada para este novo contexto. Sinto que há uma relação mais objetiva e, muitas vezes, limitada ao conteúdo ministrado. Acredito que isso seja consequência do distanciamento social no qual somos obrigados a estar. Para garantirmos um bom relacionamento, precisamos de contato, e isso nenhuma tecnologia pode proporcionar. Tenho quase 20 anos de magistério e, para mim, tanto como docente quanto discente, a escola sempre foi além do conteúdo. Infelizmente, neste contexto, estamos muito limitados e, mesmo nos reinventando a cada dia, não sanamos todos os desafios.”

Lembra da frase de São Geraldo Majella e do nosso desejo de 'fazer a vontade de Deus'? Mesmo com todas essas dificuldades, é possível testemunhar essa realidade no nosso cotidiano, como é o caso da Regiane.

Leia MaisA amizade espiritual entre Santa Teresinha e São Geraldo

"Isso é minha principal motivação. Sempre procuro fazer a diferença para a vida deles. Não sou 'a amigona', 'a protetora', mas tento trabalhar o que há de melhor em cada um, valorizando sempre que possível e também orientando... Fui aluna salesiana por muitos anos e sempre afirmo em minhas aulas que não 'estou' professora, mas 'sou" professora! Acredito que a Educação é libertadora e pode nos salvar."

#Para todos lerem: Curtiu esse post? Compartilhe com os amigos!

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Priscila Ferreira, em Crescendo na Fé

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.