Por Redação A12 Em Igreja

Cáritas realiza curso para formar 422 agentes de desenvolvimento



Leia Mais Bispo de Roraima fala sobre Venezuelanos no BrasilAssembleia aprova destinar 40% dos recursos do FNS ao serviço caritativo com os venezuelanosUm grupo de 422 pessoas, entre lideranças sociais e comunitárias de todo o Brasil concluirá em julho deste ano o curso de formação à distância “Pastoralidade, Cultura da Solidariedade e Bem Viver” oferecido pela Cáritas Brasileira.

A formação, que vem sendo composta por dois módulos, tem o objetivo de qualificar a atuação dos gestores, assessores e agentes da Cáritas na construção do desenvolvimento solidário sustentável e territorial, em conjunto com os grupos de base.

Como resultado do primeiro módulo, cuja duração foi de outubro de 2017 a fevereiro deste ano, o coordenador geral do curso Leon Patrick informa que foi produzido um conjunto de 150 textos, entre artigos e outros formatos, sobre os temas geradores e também sobre áreas específicas. “As pessoas precisam de elementos teóricos e formativos que as ajudem a olhar para suas experiências e fazer uma leitura crítica e construtiva que aponte novos horizontes”, avaliou Leon.

Temas geradores e específicos

Os temas geradores do curso são Pastoralidade e Transformação Social, Cultura da Solidariedade e Bem Viver, Sustentabilidade e Projeto Societário. Estes são conteúdos obrigatórios do curso com abordagem de 30 horas aula. O curso aborda ainda os seguintes temas específicos: Convivência com os biomas; Economia Popular Solidária; Infância, adolescência e juventudes; Migração e refúgio; e Mudanças climáticas e gestão de riscos. Cada um destes temas se desdobra em 20 horas aula. O participante pode escolher os temas específicos que deseja cursar.

O programa tem jornada máxima de 180 horas de capacitação e garante ainda a possibilidade de que cada pessoa organize seu próprio percurso formativo, com a exigência de inscrição em pelo menos um tema específico, totalizando assim 80 horas mínimas de formação à distância.

A formação temática dos assessores técnicos e agentes voluntários é realizada na modalidade semi-presencial, por meio de encontros e cursos relacionados às áreas prioritárias de atuação da Rede Cáritas para o biênio 2017-2018. A parte presencial está sendo realizada por meio de encontros semestrais em âmbito regional, com contribuição de especialistas nas temáticas.

https://caritas.org.br/cursodeformacaoadistancia


Fonte: CNBB

1 Comentário

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redação A12, em Igreja

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.