Por Elisangela Cavalheiro Em Igreja Atualizada em 05 SET 2019 - 11H02

Círio de Nazaré: Raízes

Visitar Belém é fazer uma viagem de descobertas. Cores, aromas, sabores, sons, gestos...

Todos os sentidos ficam despertos para compreender o que identifica o paraense. Ao chegar a Belém, na época do Círio de Nazaré, além de poder renovar a fé diante das manifestações religiosas, cada visitante é como que inundado por seu rico patrimônio artístico e cultural, gastronômico e histórico. De toda essa beleza, uma delas se distingue e até já ganhou o título de Patrimônio Cultural Imaterial do Brasil: o carimbó.

Dança típica que surgiu nestas terras, ela representa parte das raízes que identificam este povo e sua história. Ao visitar Belém, ninguém pode deixar de conhecer o ritmo e entrar numa roda de carimbó e de preferência, o tradicional, o carimbó raiz. No vídeo “Raízes” da série “Círio de Nazaré: Rainha da Amazônia” conheça a história do Grupo de Carimbó Frutos da Terra, que além de apresentar toda a alegria dessa dança amazônica também possui uma história de transformação social.

“Onde Nossa Senhora chega, a Igreja cresce!”. Esta é a frase que mais resume a festa do Círio de Nazaré, da Rainha da Amazônia. 

Acompanhe os outros vídeos da série em A12.com/cirio.


Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Elisangela Cavalheiro, em Igreja

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.