Por Elisangela Cavalheiro Em Igreja

De romeira a voluntária na Festa da Padroeira: conheça essa história

De romeira a voluntária, a história de Maria Lucia de Santos Dumont (Foto Elisangela Cavalheiro)
“Sou romeira, sou representante da Campanha dos Devotos, sou coordenadora de romaria e voluntária!”.

Gentil, sorridente e acolhedora como toda boa mineira, dona Maria Lucia Calisto veio de Santos Dumont, município distante 300 quilômetros de Aparecida, para ajudar na Festa da Padroeira. Esse já é o sexto ano que a devota oferta alguns dias de sua viagem para ajudar a equipe de ornamentação do Santuário.

“Eu vinha visitar o Santuário e conheci esse lugar [sala da equipe de ornamentação] e procurei informações. E aí me disseram que aceitavam voluntários. Eu vinha trazer os romeiros e depois que saía da igreja não tinha muito que fazer, então resolvi ajudar ainda mais Nossa Senhora. Agora, todo ano eu venho aqui, e estou firme e forte nesse trabalho!”, contou Maria Lucia ao A12.com.

A voluntária chegou no dia 08 de outubro e ajudou nos dias 10 e 11, quando a equipe tem que trabalhar em dobro. Junto com outras voluntárias locais, Maria Lucia colabora no que é preciso: corta flores, lava, limpa, e faz tudo com um enorme sorriso no rosto.

“A minha contribuição é importante! Cada rosa que eu limpo e que eu levo uma espetada é uma graça que eu sei que eu vou receber e até já tenho recebido”, conta a voluntária. 

Foto de: Elisangela Cavalheiro.

De romeira a voluntária, a história de Maria Lucia de Santos Dumont (Foto Elisangela Cavalheiro)

Maria Lucia posa com carro andor da Procissão
Memória, um dos carros que ajudou a ornamentar.

Para o próximo ano, na celebração do jubileu dos 300 anos, Maria Lucia já tem um compromisso marcado na agenda:

“Se Deus quiser no próximo ano, nos 300 anos, eu tenho fé em Deus e Nossa Senhora que virei aqui e vou ajudar de novo”, disse Maria Lucia confiando na graça de Deus e na bênção de Nossa Senhora para atender o seu pedido. 

:: Devotos partilham histórias de fé

:: Enquanto passam pela Via Dutra, romeiros partilham histórias de fé e solidariedade

:: Seja um coordenador de romaria

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Elisangela Cavalheiro, em Igreja

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.