Por Redação A12 Em Mundo

Relatório descobre que 1 em cada 3 cristãos é gravemente perseguido

215 milhões de cristãos são perseguidos no mundo. É o que indica o Relatório World Watch List 2017 (WWLis), publicado esta semana pela organização Portas Abertas, que elabora anualmente uma lista com os 50 países onde mais se verifica este fenômeno.

A pesquisa levou em consideração o período de 1º de novembro de 2015 a 31 de outubro de 2016, e avaliou o grau de liberdade dos cristãos na vivência diária de sua fé em cinco áreas: privadamente, em família, na comunidade em que residem, na igreja que frequentam e na vida pública do país em que vivem. A instituição mediu ainda o eventual grau de violência a que são submetidos os cristãos. No mapa abaixo, as cores vermelhas mostram os países com maior incidência de casos de violência. 

Relatório aponta que em 50 países 215 milhões de cristãos sofrem perseguição

Nos 50 países analisados pela pesquisa, a população total gira em torno dos 4,83 bilhões de habitantes, dos quais cerca de 650 milhões são cristãos. Destes, 30% (isto é, 215 milhões) sofrem algum tipo de perseguição que vai da alta à extrema (graus de contagem das perseguições). 

A partir dessa pesquisa, descobriu-se que 1 em cada 3 cristãos é gravemente perseguido nestes 50 países. Diz-se “mais de” 250 milhões, porque existem cristãos perseguidos também em nações que não fazem parte da WWList 2017, como Uganda, Nepal, Azerbaijão, Quirguistão, Níger, Cuba, entre outros.

A pontuação total na WWL aumentou, passando de 3299 de 2016 a 3355 em 2017, mostrando claramente que a perseguição dos cristãos em todo o mundo tende a aumentar.

Os Top 10

cristaos_martires_aA Coreia do Norte, pelo 15º ano consecutivo, é o local com as piores condições no mundo para os cristãos. A Igreja é totalmente clandestina e sem contato com o mundo: adorar a Deus ou possuir uma Bíblia coloca em risco a vida da própria pessoa e de seus familiares.

A Somália ocupa a 2ª posição por seu caráter intrinsicamente tribal da sociedade. Cada convertido do Islã ao cristianismo, quando descoberto, enfrenta a morte. A Igreja é totalmente clandestina.

Na listagem geral são esses os países que mais perseguem os cristãos: 1º Coreia do Norte, 2º Somália, 3º Afeganistão, 4º Paquistão, 5º Sudan, 6º Síria, 7º Iraque, 8º Irã, 9º Iêmen e 10º Eritreia.

Na Síria e no Iraque foram verificados muito menos incidentes contra os cristãos, pois grande parte deles fugiu com o avanço do Estado Islâmico. Mas para quem permaneceu (mesmo se deslocado em outras áreas), a pressão ainda é muito alta.

Mártires

No período de referência do Relatório foram registradas 1.207 mortes de cristãos por motivos ligados à fé e 1.329 igrejas atacadas. 

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redação A12, em Mundo

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.