Notícias

Centro de Peregrinações de Witten - Países Baixos (Holanda)

Padre Inácio Medeiros C.Ss.R.

Escrito por Pe. José Inácio de Medeiros, C.Ss.R.

01 NOV 2021 - 10H25 (Atualizada em 01 NOV 2021 - 10H40)

Pe. Inácio Medeiros

Durante mais de 100 anos, Witten, na Holanda, foi um lugar de peregrinações de São Geraldo Majella e Nossa senhora do Perpétuo Socorro. Por volta de 100 mil pessoas visitavam esse lugar em busca de consolo, alento e esperança, e para também expressar sua gratidão a Deus, acendendo uma vela e ali deixando suas orações.

Por muito tempo, os peregrinos ali chegavam em grupo, organizados em caravanas que vinham de ônibus de todas as regiões do país. Hoje, os peregrinos chegam em pequenos grupos ou sozinhos, e muitas pessoas não têm uma ligação com um grupo religioso ou com a Igreja.

Pe. Inácio Medeiros
Pe. Inácio Medeiros

O Convento de Witten foi construído em 1836, sendo uma das mais antigas casas redentoristas do Norte dos Alpes. Ali os redentoristas iniciaram um Seminário Internacional. Nos primeiros anos, ali estudaram confrades de vários países, alguns dos quais foram pioneiros ou “fundadores” de novas comunidades ou de novas Unidades ao redor do mundo.

Leia MaisSuperior Geral envia mensagem para o Dia Mundial das MissõesDepois desse período de expansão e desenvolvimento, a presença redentorista na Holanda foi diminuindo, surgindo um período de incertezas sobre a utilização prática do Convento.

Essa época coincide com a diminuição progressiva dos peregrinos, recordando que não só a Holanda, mas a Europa como um todo passa por um forte processo de secularização e perda do sentido do religioso e eclesial.

Agora, os redentoristas estão voltando a usar parte do edifício para a comunidade para trabalhos pastorais, incluindo a igreja do Convento, com a utilização de várias salas necessárias para as diversas funções.

Pe. Inácio Medeiros
Pe. Inácio Medeiros

Parte do edifício está servindo como abrigo de idosos e também para oficinas e laboratórios de restauros e outras finalidades. A grande biblioteca do convento tem uma administração leiga, mas sua propriedade continua pertencendo à Congregação, bem como todas as demais obras de arte do edifício.

Entre março e agosto de 2021, o Centro de Peregrinações passou por um processo de revitalização. A capela do Convento, dedicada a São Geraldo, está bem conservada, com destaque para os seus majestosos vitrais. Ao lado, foi implantada uma livraria e uma sala de reuniões chamada Scala, nome da cidadezinha onde nasceu a Congregação Redentorista, na Itália. A livraria oferece uma grande variedade de livros sobre religião e espiritualidade, sendo uma das únicas livrarias numa grande região.

Pe. Inácio Medeiros
Pe. Inácio Medeiros

Os serviços religiosos acontecem na capela do Convento, sendo abertos aos peregrinos e ao público local.

Em 2022 deverão chegar alguns redentoristas vindos da Indonésia, que deverão se preparar para uma missão pastoral na região de língua holandesa do país.

Passando os efeitos da pandemia, cresce o número de peregrinos e visitantes que agora podem se utilizar de instalações revitalizadas e preparadas para oferecer oportunidades de espiritualidade e de convívio.

Escrito por
Padre Inácio Medeiros C.Ss.R.
Pe. José Inácio de Medeiros, C.Ss.R.

Redentorista da Província de São Paulo, graduado em História da Igreja pela Universidade Gregoriana de Roma, já trabalha nessa área há muitos anos, tendo lecionado em diversos institutos. Atuou na área de comunicação, sendo responsável pela comunicação institucional e missionária da Província de São Paulo, atualmente é diretor da Rádio Aparecida

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Carregando ...

Reportar erro!

Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou de uma informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redentoristas, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.

Carregando ...