Por Thamara Gomes Em Notícias Atualizada em 06 DEZ 2017 - 15H58

Missionários Redentoristas visitam jovens vocacionados

Nos meses de outubro e novembro, Pe. José de Lima Torres e Ir. João Batista de Viveiros pegaram a estrada para visitar os jovens que fizeram o acompanhamento vocacional ao longo do ano de 2017. Ao todo, 36 vocacionados receberam os Missionários Redentoristas em suas casas.

:: Entenda o processo acompanhamento vocacional

Segundo Ir. Viveiros, promotor vocacional, a visita é uma etapa fundamental do processo de acompanhamento vocacional na Congregação Redentorista – Província de São Paulo.

“A visita à família do vocacionado é muito importante para conhecê-lo melhor e conhecer sua história. Além dos familiares, aproveitamos para conversar com o pároco da comunidade e com outras pessoas que conhecem o vocacionado”, explicou o religioso.

Durante todo o ano, os Missionários Redentoristas tiveram a oportunidade de acompanhar o discernimento vocacional destes jovens através dos encontros vocacionais, do curso vocacional online e outros contatos, percebendo neles sinais da vocação redentorista.

Lucas Castelhano acolheu o Pe. José Torres em sua casa, na cidade de Sorocaba (SP). Para o jovem, foi uma experiência muito positiva. "Foi muito boa a visita vocacional. Minha família se reuniu para receber o Padre Torres aqui em casa, meus pais, irmãos, meus avós paternos e maternos. Minha família gostou muito de conhecê-lo. Foi um momento bom de convivência e de tirar dúvidas, além de conversar um pouco sobre minha vocação".  

O vocacionado Ian Lucas Lopes de Castro e seus pais, Laíde e Francisco, receberam com alegria a visita do Ir. Viveiros no mês de outubro.

“Meus pais manifestaram sua admiração e apoio à minha vocação. Foi uma grande oportunidade para juntos falarmos sobre discernimento, vocação, a respeito de nossos projetos pessoais e sobre a Vontade de Deus. Gostamos muito da especial visita. Momentos como esses intensificam os laços familiares, fazem o Amor de Deus reinar em nosso lar e em nossos corações”, comentou o jovem.

Ir. Viveiros
Ir. Viveiros
Visita ao Ian Lucas, em Alagoa (MG)

Os vocacionados que percorreram o caminho do discernimento durante o ano serão convidados ainda para a etapa da Convivência Vocacional, dividida em dois encontros, a fim de trabalhar e aprofundar a vocação e dar uma resposta positiva ao chamado de Deus.

“Certamente, o acompanhamento vocacional é essencial para uma reflexão mais profunda, sobre vocação e autoconhecimento”, afirma Ian Lucas.

Curiosidades:

  • Os promotores vocacionais visitaram jovem em 2 estados: São Paulo e região sul de Minas Gerais
  • Ao todo, 36 vocacionados foram visitados
  • Em 33 cidades diferentes

  • Foram mais de 5.000 Km rodados, entre idas e vindas.
  • A visita vocacional mais próxima foi na cidade de Guaratinguetá, a apenas 12 km de Aparecida.
  • A mais distante foi em Presidente Venceslau, a aproximadamente 800 km de Aparecida (SP), na divisa com o estado do Mato Grosso do Sul.
Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Thamara Gomes, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.