Por Marília Ribeiro Em Notícias Atualizada em 30 JAN 2018 - 13H39

Laicato e Diálogo inter-religioso são os destaques do Congresso Mariológico 2018

No Ano do Laicato, promovido pela CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil) a Academia Marial de Aparecida promove a 12ª edição do Congresso Mariológico apresentando Maria, a primeira leiga cristã, como modelo para uma Igreja em Saída.  O Congresso acontece no Centro de Eventos do Santuário de Aparecida de 16 a 19 de maio.


Padre Joãozinho, um dos organizadores do evento representando a Faculdade Dehoniana de Taubaté, explica que o Congresso está repleto de coincidências que nasceram da providência de Deus, contribuindo para que o evento se torne ainda mais significativo.

“Uma dessas coincidências é o número 12, que na bíblia é muito importante, pois são 12 apóstolos, são as 12 tribos de Israel e a imagem que a gente escolheu para caracterizar o evento desse ano é um ícone da basílica de Aparecida. Na arte aparece Maria no meio dos apóstolos no dia de Pentecoste e nós, nem havíamos nos dados conta que esse Congresso conclui com o final de semana de Pentecostes que é 19 e 20 de maio. O Pentecoste é a origem da Igreja e a Igreja ela é toda leiga”.

O sacerdote ressalta a qualidade dos palestrantes destacando a presença do secretário do Dicastério para os Leigos, a Família e a Vida em Roma, padre Alexandre Awi que fará a moderação do evento e de Dom Murilo Sebastião Ramos, bispo de São Salvador (BA), que tem vários livros sobre Maria e no Congresso terá duas palestras sobre ‘Maria: primeira leiga cristã’, primeiro falando na abertura com o enfoque na ‘Palavra de Deus’ e no segundo dia, ‘Na Tradição Cristã’.

Para apresentar a visão do leigo sobre Maria os Doutores em Teologia, Cesar Kuzma e Lúcia Pedrosa farão suas explanações.

“Não é só dizer que Maria é leiga e que nós estamos no Ano do Laicato, tem que dá a palavra para o leigo apresentar a sua visão, então você vê que está tendo um protagonismo dos leigos nesse congresso”, coloca o padre Joãozinho.

::Confira a Programação do 12º Congresso Mariológico em Aparecida (SP)

Além disso, o evento também promove a tradicional Noite Cultural, dessa vez com cunho inter-religioso recebendo o Sheikh Mohamad Al Bukai, pós-graduado em teologia Islâmica pela Universidade Al-Azhar no Egito, para um diálogo sobre Maria na compreensão Islâmica com o padre Maciel Marcial Maçaneiro, Doutor em Teologia e Professor da PUC Paraná. A Noite Cultura Inter-religiosa acontece no dia 18, às 19h30.

As discussões se estendem para o último do Congresso, dia 19, com Dom Romanós Daoud, da Igreja Ortodoxa Antioquina e o pastor Geraldo Graf, da Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil.

Padre Joãozinho pontua a relação de Lutero com Maria, lembrando a obra ‘Magnificat: O Louvor de Maria’, escrito em 1522 por Martinho Lutero.

“Às vezes a gente imagina que os evangélicos têm um pé atrás com Maria, mas o pai dos evangélicos que é Lutero tem um livro sobre o Magnificat e cultivou inclusive solenidades marianas na liturgia luterana.”

Para participar do evento os interessados devem se inscrever na página especial a12.com/congressomariologico.


Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Marília Ribeiro, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.