Por Elisangela Cavalheiro Em Notícias

Santuário Nacional entrega nova sede do Projeto Pemsa

Quem passar pela Rua Oliveira Braga nas proximidades da Matriz Basílica de Aparecida vai poder ouvir um som especial vindo do prédio de número 80. O espaço que já foi casa para religiosas, gráfica, colégio, seminário e espaço de uma obra social abriga agora a sede do Projeto de Educação Musical do Santuário Nacional de Aparecida.

O imponente prédio de dois andares desgastado pelo tempo foi totalmente reformado e ganhou novos contornos para poder acolher um número ainda maior de crianças e jovens sedentos pelo aprendizado da arte musical.

A inauguração da nova sede ocorreu na noite de ontem (31), com Missa na Matriz Basílica e um concerto de encher olhos, ouvidos e corações.

A Missa na Matriz Basílica teve início às 18h, e contou com a presença de diversos Missionários Redentoristas, maestros, instrutores e usuários do Projeto, além de devotos que visitam a igreja diariamente. Presidiu a celebração, o recém-empossado arcebispo de Aparecida, Dom Orlando Brandes e concelebraram os missionários redentoristas, padre Inácio Medeiros, superior provincial, padre João Batista de Almeida, reitor do Santuário, padre Daniel Antonio, ecônomo do Santuário, padre Ronoaldo Pelaquim, um dos idealizados do Projeto, entre outros.

Na homilia, Dom Orlando exaltou a vocação do Santuário Nacional para o desenvolvimento de pessoas conscientes de suas capacidades e habilidades. 

“Nós hoje estamos festejando e inaugurando a sede do Pemsa, Projeto de Educação Musical que eleva os pequenos da sarjeta, da estrada, da periferia, para torná-los cidadãos”, disse o arcebispo na homilia. Ele lembrou ainda que a concretização de mais esse passo na história do Projeto foi alcançado graças a doação dos que participam da Família Campanha dos Devotos. “Todos vocês que participam da Campanha dos Devotos alegrem-se conosco porque esse edifício que hoje será inaugurado tem a marca da sua solidariedade”, assinalou.

Com a nova sede, o Projeto que estava limitado no prédio da Casa do Pequeno vai poder aumentar o número de usuários e permitir o aprimoramento musical em um espaço mais adequado.

Ao todo, o prédio possui 2.500 metros de área construída, dividindo-se em quatro pavimentos (1º e 2º subsolo, térreo e 1º e 2º pavimento), totalmente adequado para atender os portadores de necessidasdes especiais. O prédio conta com 17 salas para oficinas teóricas e práticas individuais e em grupo, além de refeitório, salas de coordenação, depósitos, sanitários e um auditório para ensaios coletivos.

Inauguração

Após a Missa, os convidados seguiram para a nova sede. A apresentadora da TV Aparecida, Jéssica Fernandes conduziu a cerimônia de inauguração que contou com a presença dos maestros Altair de Oliveira Lobato, Ismael Floriano e Júlio Ricarte que estão no Pemsa desde o início, em 2003.

Missa e inauguração da sede do Pemsa (Elisangela Cavalheiro)

Ao tomar a palavra, o maestro Altair Lobato, expressou imensa alegria pelo investimento do Santuário Nacional nesse projeto social e as oportunidades que foram dadas a tantas crianças e jovens ao longo desses anos.

“É até difícil se expressar numa ocasião como essa sem a gente não usar o coração. Em 2003, nós começamos um sonho que foi sonhado primeiro por Dom Darci Nicioli. Nós pautamos esse trabalho desde o início pela fraternidade, pelo amor, por uma dedicação intensa e por uma evangelização em termos de música. Hoje, a todos vocês, especialmente Nossa Senhora Aparecida, aos nossos padres e superiores, o nosso agradecimento pelo apoio que tivemos até agora. Procuraremos honrar de toda maneira esse propósito, essa confiança, esse crédito”, celebrou.

O ecônomo do Santuário Nacional, padre Daniel Antonio recordou a história do prédio da nova sede que já abrigou diversas casas redentoristas e agradeceu os envolvidos e os colaboradores dessa obra que nasceu da disponibilidade de muitas mãos caridosas. “Pelas obras que nós mostramos a nossa fé. Graças a Deus temos várias obras e essa é uma delas. Que essa seja um sinal para muitas pessoas que queiram nos ajudar também”, assinalou.

Para o maestro Júlio Ricarte, a sede é a concretização de um sonho acalentado durante muito tempo. “É um sonho que se arrastou desde 2003, com uma sede provisória, e agora a gente vê isso concretizado com grande esforço. E nós vamos continuar com determinação pra que a gente possa fazer muito mais do que já temos feito”, pontuou.

Foto de: A12.

Emeline Fernandes aluna e professora do Pemsa

Emeline: de aprendiz a instrutora. 

Emeline Fernandes que entrou como usuária do Projeto em 2003 e há sete anos atua como instrutora comentou sua alegria pela nova estrutura. “Lembrar tudo o que passamos, e agora termos essa oportunidade de conseguir mostrar como a gente evoluiu musicalmente e como pessoa também e merecer uma casa dessas é maravilhoso!”, afirmou.

Padre José Uilson Júnior, ecônomo adjunto do Santuário Nacional, que é o missionário redentorista responsável pelo Projeto, reafirmou a missão do Santuário Nacional com esta obra social e evangelizadora. “Aqui neste espaço nós queremos continuar a introduzir crianças, adolescentes e jovens em um convívio social harmonioso e por meio da música ajudá-los também a buscar a Deus e a se desenvolver enquanto pessoa”.

Após a bênção de inauguração, Dom Orlando Brandes colocou a Imagem de Nossa Senhora Aparecida em lugar de destaque no prédio e os convidados se dirigiram ao pavimento superior para acompanhar o concerto. Sob a regência do mestro Lobato, um terço dos membros da orquestra apresentou um repertório de músicas nacionais e internacionais, entre elas, hinos de louvor a Nossa Senhora. 

O Pemsa já acolheu, educou e revelou mais de 5 mil talentos, sendo que muitos deles estão inseridos no mercado de trabalho.

Com a nova estrutura, o Projeto de Educação Musical pretende atender duzentos usuários a mais. Hoje o projeto atende 400 por ano. 

2 Comentários

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Elisangela Cavalheiro, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.