Por Felipe Pontes Em Notícias

Festa e II Procissão da Virgem da Medalha Milagrosa, em Porto Alegre

 

53_7

Em novembro a Igreja comemora o dia de Nossa Senhora das Graças, com festas e novenas. Como é o caso da Paróquia Nossa Senhora das Graças, pertencente à Arquidiocese de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, que promoverá no dia 23 de novembro a festa e 2ª procissão da Virgem da Medalha Milagrosa, com o tema “Eu e minha casa serviremos ao Senhor”.

Iniciou na última sexta, dia 14 de novembro, a novena preparatória, até dia 23. Com encontros da  realizados sempre às 20h,

Veja a programação no site da Arquidiocese.

Além da novena no dia 16 será realizada uma carreata, a partir das 17h, pelas principais ruas da Zona Sul da capital gaúcha. Um dia antes da festa, no dia 22, após a Santa Missa da noite, haverá a procissão luminosa, com a imagem de Nossa Senhora das Graças da Medalha Milagrosa.

No domingo festivo, dia 23 de novembro, a programação terá início com procissão, saindo às 9h45 da Igreja Sagrado Coração de Jesus, no Bairro Tristeza. Logo depois, haverá a celebração da Missa solene, às 10h30, na Igreja Nossa Senhora das Graças, também no Bairro Tristeza. Em seguida, às 12h, ocorrerá o almoço de confraternização. A partir das 15h, será realizada a novena da Medalha Milagrosa. A Celebração Eucarística de encerramento da festa se dará às 17h30.

A Paróquia Nossa Senhora das Graças fica localizada na Avenida Wenceslau Escobar, em Porto Alegre. Telefone (51) 3268-1341.

Nossa Senhora da Medalha Milagrosa

A Medalha Milagrosa teve sua origem nas aparições de Nossa Senhora, em Paris, na França, na Mãe das Irmãs de Caridade de São Vicente de Paulo. No dia 27 de novembro de 1830, a Virgem Imaculada apareceu a Santa Catarina Labouré, Irmã de Caridade, e lhe confiou a missão de propagar a Medalha cujo modelo lhe revelou.

A Medalha teve, desde o início uma extraordinária difusão, acompanhada que foi de incontáveis graças de proteção, de curas e conversões a ponto de o povo a denominar de “Medalha Milagrosa”. A Medalha Milagrosa é dádiva celeste. Usá-la é colocar-se sob a proteção de Maria, na vida e na morte. Em 1832 foram confeccionadas as primeiras medalhas.

Em 1876 no ano da morte de Santa Catarina Labouré, mais de 1 bilhão de medalhas espalhavam graças pelo mundo. Até os dias de hoje o Centro de Difusão da Medalha Milagrosa, em Paris, recebe diariamente, numerosas cartas, relatando as graças alcançadas por intermédio desta Medalha. (FB)

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Felipe Pontes, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.