Palavra do Associado

Nossa Senhora da Conceição da Praia – A Virgem da baía de todos os Santos

Escrito por Academia Marial

23 ABR 2021 - 16H53 (Atualizada em 23 ABR 2021 - 17H03)

Aparecida Lembranças de fé

Título: Nossa Senhora da Conceição da Praia – A Virgem da baía de todos os santos

Padroeira: Bahia

Festa: 8 de dezembro

Falar de devoção mariana no Estado mais antigo do Brasil (Bahia) é falar de uma Maria que chegou até a Terra de Santa Cruz silenciosa para ganhar o coração dos baianos e de todos os brasileiros. Quando Pedro Álvares Cabral aportou na Baía Cabrália, vinha com ele a Fé e a Devoção dos Portugueses na Virgem Imaculada. Uma devoção que não iria demorar para se estender por todo o país. A região que foi chamada pelos tupinambás de Kirimurê que significava “grande mar interior” foi rebatizada pelos Portugueses em 1501 de “Baía de todos os Santos”. É a partir deste Estado “abençoado por Deus e rico por natureza” que a devoção a Nossa Senhora da Conceição vai se expandir pelo Brasil dando origem a muitas igrejas em honra da Santa.

“Em 1549, navios portugueses atracaram em Salvador. Uma imagem da Padroeira de Lisboa acompanhava as grandes viagens da tropa. Tomé de Sousa, primeiro governador-geral do Brasil, mandou que seus homens erguessem, na parte mais alta da colina, uma capela em homenagem a Santa, Nossa Senhora Imaculada Conceição.A imagem, única em todo mundo, foi assentada em uma primeira construção, cujas ruínas existem até hoje. Sua fama atraiu tantos fiéis que foi necessário construir uma igreja maior. O nome Conceição da Praia surgiu em criação da própria população. Por se situar próximo a praia, ficou conhecida como Nossa Senhora da Conceição da Praia. A raridade da imagem de Nossa Senhora Imaculada Conceição reinou absoluta até 1946, quando a foi proclamada Padroeira da Bahia. Naquele mesmo ano, a Igreja se tornou Basílica Oficial do Brasil e os devotos ganharam uma segunda imagem, carinhosamente apelidada de peregrina”. ¹

O título de Nossa Senhora da Conceição goza de especial particularidade entre os brasileiros por ter uma Virgem Imaculada “Aparecida” nas águas do Rio Paraíba do Sul como sua Rainha e Padroeira.

O Brasil foi predestinado a honrar esse título de Maria, um dos mais invocados na história do Ocidente e tão querida dos brasileiros. Em 1640, o rei de Portugal Dom João IV oficializou o culto e determinou a obrigatoriedade da festa no dia 8 de dezembro, em todo o território, inclusive nas colônias. Seis anos depois o monarca consagra o Reino de Portugal a Nossa Senhora da Conceição. Ela foi nossa patrona no Brasil Colônia, depois do Brasil Império, proclamada padroeira por Dom Pedro I, e continua até hoje. Como apareceu nas águas do rio Paraíba do Sul, em 1717, ganhou o Aparecida no nome e passou a ser chamada de Nossa Senhora da Conceição Aparecida”. ² Leia MaisSaiba diferença entre Imaculada Conceição e Nossa Senhora da ConceiçãoPor que Nossa Senhora da Conceição virou Aparecida?

A Imaculada Conceição de Maria é mais que um título da Virgem Maria, trata-se de uma verdade de fé (dogma) declarado em favor da Virgem Imaculada, Mãe do Verdadeiro Deus por quem se vive e de todos os redimidos pelo sangue de Jesus Cristo.

“O dogma da Imaculada Conceição foi proclamado no dia 08 de dezembro de 1854 pelo papa Pio IX, através da Bula Ineffabillis Deus. Junto com esse dogma da Imaculada Conceição, existem outros três proclamados pela Igreja, que são: Mãe de Deus, Assunção de Nossa Senhora e virgindade perpétua. A Igreja declara solenemente que o dogma é a fé que vem da revelação e faz parte do tesouro da igreja e que precisa ser explicitado. Antes mesmo de ser proclamado o dogma da Imaculada Conceição em 1854, a própria Virgem Maria aparece a Santa Catarina Labouré (1830) e lhe faz um pedido que se fizesse medalhas de Nossa Senhora com a oração: “Ó Maria concebida sem pecado, rogai por nós que recorremos a vós”. Essa invocação se espalhou e se difundiu e depois de alguns anos foi proclamado o dogma por Pio IX. É comum recitarmos essa invocação ao final de cada dezena do terço, acreditando e reconhecendo que Maria foi concebida sem pecado e não traz em si a mancha do pecado original e que ela nos ajude a vencer todo o pecado. A própria Virgem Maria, na sua aparição em Lourdes, em 1858, confirmou a definição dogmática e a fé do povo dizendo para Santa Bernadete e para todos nós: “Eu Sou a Imaculada Conceição”. Pois a imagem de Nossa Senhora que aparece em Lourdes é a da Imaculada Conceição e recebe o título de Nossa Senhora de Lourdes por ter aparecido na cidade de Lourdes, mas é a mesma Mãe de Jesus, Imaculada Conceição. Os dogmas são verdades de fé, que o Magistério da Igreja através do do Papa, por meio de estudos, ou Concílio se reúnem e discutem as verdades por trás daquilo que foi apresentado e se pode ser proclamado como dogma. Normalmente junto com o dogma é publicado um documento que comprove aquilo que a Igreja está proclamando, assim como ocorreu com a Bula Ineffabillis Deus que foi proclamada como fruto da proclamação do dogma da Imaculada Conceição”. ³

“Ainda no século 17, o templo ganhou duas confrarias de leigos: a Irmandade de São Benedito e a de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos da Praia. A atual igreja foi reconstruída em meados do século 18 pelas Irmandades do Santíssimo Sacramento e de Nossa Senhora da Conceição, ao lado do então Arsenal da Marinha. Esse antigo porto era o local onde os navios se abasteciam de água doce, reparavam as velas e mastros e desembarcavam mercadorias. O edifício, em estilo barroco, foi feito em pedra de canteira portuguesa no ano de 1736. É ponto de partida da procissão para a cerimônia da lavagem das escadarias da Igreja do Senhor do Bonfim, que ocorre na segunda quinta-feira depois do Dia de Reis (6 de janeiro).” 4

O papa Pio XII declarou Nossa Senhora da Conceição padroeira única e secular do Estado da Bahia. Recebeu o título de basílica menor por meio da Carta Apostólica Coruscantissideris, de 7 de outubro de 1946, do papa Pio XII. Se localiza próximo ao Elevador Lacerda e ao Mercado Modelo, sendo muito visitada pelos turistas. 5

Vinícius Aparecido de Lima Oliveira
Associado da Academia Marial de Aparecida

Bibliografia:

1. CONTEÚDO aberto. In: Basílica Santuário Nossa Senhora da Conceição da Praia – Padroeira da Bahia. Disponível em: . Acesso em: 2 fev 2021.

2. KRANZ, Bell. 21 Nossas Senhoras que inspiram o Brasil. São Paulo: Planeta, 2020.

3. CONTEÚDO aberto. In: CNBB – Imaculada Conceição - Disponível em: . Acesso em: 2 fev 2021.

4. GONZALEZ, Alessandra. Nossa Senhora do Brasil: as principais igrejas e representações de Maria. São Paulo: Pólen, 2017.

5. CONTEÚDO aberto. In: Wikipédia. Disponível em: . Acesso em: 2 fev 2021.

Apresentação de Jesus
Artigos

Festa da Apresentação do Senhor

“O Rei da glória é o Senhor onipotente” (Sl 23/24) No próximo dia 2 de fevereiro de 2023, celebramos a Festa da Apresentação do Senhor. Essa celebração acontece 40 dias após o Natal. Esse acontecimento é narrado no capítulo 2 do Evangelho de Lucas.

Nossa Senhora Auxílio dos Cristãos
Artigos

Mariofanias - Nossa Senhora Auxílio dos Cristãos

Em meados de 1681 o conde Philipp de Dietrichstein Siegmund fundou ao Norte da Boémia a pequena aldeia de Philippsdorf. Um lugar místico que atrai ao longo dos anos inúmeros fiéis que peregrinam em busca de Maria Santíssima invocada neste local como Auxílio dos Cristãos. Esta aldeia é o berço da fé e da devoção à Mãe de Deus entre os povos Thecos. No longínquo ano de 1835 nascia em Philippsdorf a vidente Madalena Kade. De família humilde, Madalena, ficou órfã muito cedo e por conta de uma série de doenças muito graves vivia sob os cuidados do irmão Joseph. O irmão Joseph além dos muitos cuidados com a irmã, trabalhava arduamente para sustentar a esposa Cecília e os seus cinco filhos.

Nossa Senhora de Knock (1)
Artigos

Mariofanias - Nossa Senhora de Knock

Aprovação: Em 1936 pelo Arcebispo de Tuam. A comissão investigativa do Dr. Gilmartin retorna um veredicto positivo. No condado de County Mayo, Irlanda, situa-se o Santuário Nacional de Knock. Este não foi somente lugar de uma das aparições da Virgem Maria. Videntes afirmam terem visto além da Mãe de Deus; seu castíssimo esposo São José; o Evangelista João e o próprio Filho de Deus, Nosso Senhor Jesus Cristo, o Cordeiro de Deus.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Academia Marial, em Palavra do Associado

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.

Bem vindo!


Para completar seu cadastro, por favor, verifique seu e-mail e defina sua senha.
Caso não encontre o e-mail na sua caixa de entrada, por favor, verifique na caixa de SPAM/TRASH/LIXO ELETRÔNICO.