Por Redação A12 Em Assembleia Geral CNBB Atualizada em 07 MAI 2019 - 19H55

Como é feita a eleição da CNBB?

CNBB
CNBB

Os bispos reunidos em Aparecida (SP) para a 57ª Assembleia Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) têm o desafio de eleger a nova presidência para o próximo quadriênio, além das presidências das 12 Comissões Episcopais Pastorais da entidade.

ELEIÇÃO DA CNBB

Neste ano, já considerando a reforma do Estatuto da CNBB, aprovada na 56ª AG e em processo de confirmação pelo Vaticano, a nova presidência da CNBB deverá ser composta da seguinte maneira:

⏩ Presidente;

⏩ 1º vice-presidente;

⏩ 2º vice-presidente;

⏩ Secretário-geral e

⏩ Vice-secretário-geral.

Outra escolha que os bispos devem fazer nos dias de assembleia refere-se ao Conselho Episcopal Latino-Americano (Celam), para o qual serão eleitos delegado e suplente.

CNBB
CNBB

A estrutura para a eleição conta com 17 cabines de votação no Centro de Eventos, com sistema digital. Ao todo no plenário são 342 bispos, dos quais 296 são votantes, com exceção dos 43 bispos eméritos que não têm direito a voto e também não podem ser votados.

Conforme o Estatuto Canônico, o voto é secreto e direto. Na contagem dos votos, são consideradas as abstenções e votos nulos para cálculo do número de votantes, respeitando a maioria exigida. A assembleia só poderá deliberar ou eleger se estiver presente a maioria absoluta dos membros.

Leia MaisO que são as Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja?O que é a Assembleia Geral da CNBB?O mandato tem duração de quatro anos, sendo permitida uma única reeleição consecutiva para o mesmo cargo. Ao serem eleitos, os bispos irão exercer os cargos para os quais foram designados, porém continuam em suas (arqui)dioceses.

As eleições para cada cargo ocorrerão em votações separadas. A primeira eleição é para presidente, depois vice-presidente e, posteriormente, para secretário-geral da CNBB, considerando a maioria de dois terços dos votantes, no primeiro e segundo escrutínio; e por maioria absoluta dos votantes, no terceiro ou quarto escrutínio. Caso seja necessário, se fará o quinto e último escrutínio entre os dois candidatos mais votados no segundo escrutínio.

Página especial de cobertura da 57ª AG CNBB: A12.com/cnbb

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redação A12, em Assembleia Geral CNBB

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.