Por Marília Ribeiro Em Igreja

Encontro da Pascom destaca a missão do comunicador cristão de ser missionário

5º Encontro da Pascom no Santuário de Aparecida - Foto: Luiz Fernando Garcia
Foto: Luiz Fernando Garcia


Comunicação e liturgia é o tema do 5º Encontro Nacional da Pastoral da Comunicação (PASCOM) que acontece no Centro de Eventos Padre Vitor Coelho de Almeida no Santuário Nacional de Aparecida (SP).  Até o dia 17 (domingo), cerca de 900 pessoas vindas de diversas partes do Brasil, participam das palestras e seminários que abordarão a temática.

O evento teve inicio no dia 14 (quinta-feira), com uma cerimônia de abertura e uma conferência sobre Comunicação e Celebração Litúrgica, ministrada pelo Frei José Ariovaldo da Silva, doutor em Liturgia e professor no Instituto Franciscano de Petrópolis (RJ).

No dia 15, Dom Devair Araújo da Fonseca, bispo auxiliar de São Paulo e membro da Comissão Episcopal Pastoral da Comunicação destacou, durante a sua explanação de acolhida, o pedido do Papa Francisco na mensagem para o Dia Mundial das Comunicações desse ano, a importância dos comunicadores serem pontes.

Leia também ::Comissão da CNBB e Signis Brasil/RCR serão parceiras no 10º Muticom em Joinville::

“Esse encontro é um encontro que faz pontes, um encontro que começou com poucas pontes, eram apenas quase duzentos no primeiro encontro e hoje somos quase mil. Muitas pontes estão sendo construídas pelos agentes de pastoral, pelos comunicadores católicos em todo o Brasil, visando a importância de levar a palavra de Deus, a mensagem do evangelho, cada um da sua forma, do seu jeito da sua maneira, com os seus recursos, para que a nossa comunicação não seja fria, mas que seja aquecida pela nossa vontade de comunicar a boa nova do evangelho” expressou dom Devair durante a sua mensagem de acolhida na abertura do segundo dia do encontro no dia 15.

Dentro de suas comunidades, dioceses e paróquias a função dos agentes da Pascom é ajudar a comunidade a celebrar melhor e a levar o evangelho as pessoas que estão distantes de Deus.  Sobre essa missão, Dom Darci José Nicioli, CSsR, Arcebispo de Diamantina (MG) e Presidente da Comissão Episcopal salientou, “Quão importante é saber celebrar, comunicar de fato na própria celebração,” afirmando também que o comunicador cristão é um grande missionário. 


Como desafio, Dom Darci destacou a importância da espiritualidade e da formação, para que alcancem o objetivo que é ser instrumento de evangelização.

 

 

1 Comentário

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Marília Ribeiro, em Igreja

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.