Santo Padre

Papa Francisco fala sobre como é preciso deixar para seguir a Deus

“Estar com Jesus, então, requer coragem para deixar e colocar-se a caminho”, disse Francisco no Angelus

Escrito por Isabela Araujo

22 JAN 2023 - 10H43 (Atualizada em 23 JAN 2023 - 08H30)

Reprodução/ Vatican Media

Leia MaisConfira a agenda do Papa Francisco em janeiro e fevereiroVida longa! Papa Francisco completa 86 anosNo Angelus deste domingo (22), após a Santa Missa que celebrou o Domingo da Palavra de Deus, Papa Francisco trouxe grandes conselhos sobre deixarmos tudo o que nos impede de seguirmos com Jesus.

Vícios, pecados, medos, anseios, pensamentos e hábitos que nos distanciam de Deus são como âncoras que nos impedem de lançarmo-nos no mar e por isso devem ser deixadas para trás. Para seguir a partir disso, é preciso renunciar e pedir perdão.

“Para realizar a vida é preciso aceitar o desafio de deixar.”, disse o Papa.

O Santo Padre também explicou, a partir de algumas analogias, como é preciso deixar para seguir em diferentes esferas da vida. Assim como os trabalhadores deixam suas comunidades para levar o pão para casa, assim como os médicos abdicam de seu tempo para dedicar-se ao trabalho, assim como famílias embarcam na maternidade e para vivenciar esse momento precisam abrir mão de certas ações, nós também precisamos deixar para seguir a caminhada com Deus.

“Se não se tem coragem de colocar-se a caminho, corre-se o risco de ficar espectadores da própria existência e de viver a fé pela metade.", explicou Francisco.

O Papa ainda acalmou os fiéis, dizendo para não ter medo de deixar para seguir Jesus, pois com Ele sempre estaremos melhores.

"Que Maria nos ajude a dizer, como ela, um sim pleno a Deus, a saber deixar algo para segui-lo melhor. Não tenham medo de "deixar" se for para seguir a Jesus, sempre estaremos melhores ainda.", finalizou Francisco antes da oração do Angelus.

Reprodução/ Vatican Media
Reprodução/ Vatican Media


Após a oração, Francisco aconselhou os fiéis a fazerem a leitura diária do Evangelho e saudou todos os que celebram o Ano Novo Lunar, citando sua proximidade espiritual com quem enfrenta “momentos de prova causados pela pandemia do coronavírus”.

Assista ao Angelus

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Isabela Araujo, em Santo Padre

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.

Bem vindo!


Para completar seu cadastro, por favor, verifique seu e-mail e defina sua senha.
Caso não encontre o e-mail na sua caixa de entrada, por favor, verifique na caixa de SPAM/TRASH/LIXO ELETRÔNICO.