Por Padre José Inácio de Medeiros, C.Ss.R Em Notícias

Os desafios da missão urbana

A realidade de mundo moderno expressa, sobretudo, no intenso processo de urbanização traz em si uma serie de desafios para a pastoral da Igreja, tanto a ordinária como a extraordinária.

Um pouco de história

As primeiras comunidades cristãs surgiram e se desenvolveram num mundo diferente do mundo hebraico em que os discípulos estavam acostumados, com os consequentes problemas de adaptação. As primeiras comunidades cristãs eram essencialmente urbanas e hoje, passados tantos séculos, o desafio da evangelização na cidade volta a ocupar o centro das preocupações da Igreja.

O processo de urbanização no Brasil se acentuou, sobretudo a partir das décadas de 50/ 60, explodindo nos anos 80/90 graças à junção de uma série de fatores. Este fenômeno nos leva a sentir imensos desafios da evangelização no mundo urbano de hoje.

Missão na Paróquia N.S. do Carmo em Presidente Prudente  (arquivo missionário)

Alguns problemas ocorrem com mais facilidade no meio urbano, graças, sobretudo, ao anonimato no qual as pessoas estão mergulhadas. Na cidade grande o religioso não é mais o centro, pois a cidade nem mesmo um centro geográfico possui. Não há mais modelo, e os que são criados são efêmeros, assim como os seus criadores.

Na cidade, sobretudo no grande meio urbano, a evangelização já não alcança a mesma repercussão que alcançava numa cidade do interior ou numa comunidade da zona rural. Muitas das características urbanas já se encontram também no campo e nas pequenas cidades do interior. A tão falada modernidade chegou também ao interior!

:: A internet a serviço da Fé e da Evangelização

A realidade urbana é muito esfacelada, e assim dentro de uma mesma cidade, a pouca distância existem bairros ou vilas com características bem diferentes entre si. É importante que o agente de pastoral religioso ou leigo saiba localizar e identificar estas diferenças que podem ser facilitadoras ou complicadoras da ação evangelizadora.

Um novo modo de Ser Igreja:

As Santas Missões Redentoristas pregadas no meio urbano podem ajudar na concretização de um novo modo de ser Igreja fundamentado em quatro pilares: Ser Igreja no mundo (O caminho não é a fuga); Ter o Mundo na Igreja (Nossas Preocupações); Ser uma Igreja para o Mundo (Missão) e Ser Igreja com o Mundo.

:: Missões Redentoristas: Como se organizam as equipes missionárias?

Missão Redentorista é prioridade As Santas Missões, organizadas em fases distintas que vão se sucedendo, trazem alguns contributos importantes que depois podem ser aproveitados pela pastoral ordinária que continua o processo missionário e evangelizador. Sem querer esgotar o assunto, citamos apenas algumas:

- Trabalhar a formação das lideranças, investindo na sua ampla capacitação, sobretudo, daqueles que foram indicados para os ministérios e pastorais;

- Usar da criatividade e da inventividade na pastoral, fugindo da mesmice, contando com o auxílio das técnicas e ciências modernas para buscar fórmulas de Ação Evangelizadora nos diversos ambientes criados pelo fenômeno da urbanização;

- Investir na criação de uma “Rede de Comunidades” a partir da Conferência de Aparecida e das Diretrizes da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil;

- Rever o fundamento da evangelização, passando da religião de cumprimento de ritos e satisfação de necessidades, para uma religião de fé e de vida;

- Despertar o sentimento religioso das pessoas que está adormecido, solucionando o vazio que existe em suas vidas;

- Criar centros de referência para a prática religiosa, físicos ou grupais, estimulando o sentimento de pertença;

- Dar sustentação aos grupos de evangelização despertados durante as missões, pois serão eles a presença da Igreja em muitos ambientes onde a Igreja não entra pelos meios tradicionais;

- Por fim, sejam as lideranças religiosas ou leigas imbuídas de espírito cristão, com virtudes de discrição, simpatia, segredo e fervor. Este testemunho cristão é fundamental na adesão de mentes e corações!

 

Pe. José Inácio de Medeiros, CssR
Superior Provincial – SP 2300

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Padre José Inácio de Medeiros, C.Ss.R, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.