Por Pe. Inácio de Medeiros, C.Ss.R Em Notícias Atualizada em 13 MAR 2020 - 16H07

Ano Clementino começa dia 15 para toda Congregação Redentorista

Todos os filhos espirituais de Santo Afonso Maria de Ligório, espalhados por todo o mundo, celebram com particular alegria, São Clemente Maria Hofbauer que, com justiça, é considerado o propagador ilustre da Congregação do Santíssimo Redentor. Em 2020, serão lembrados os 200 anos de sua morte e para isso, a Congregação Redentorista decidiu celebrar um Ano Jubilar para vivificar o espírito desbravador deste missionário. 

A abertura do Ano Clementino acontece no dia 15 de março de 2020, quando se recorda a data de seu falecimento, a partir da Província de Viena-Munique, na Áustria, e atinge todas as províncias no mundo, que são convidadas a preparar ações para lembrar a grande contribuição deste santo redentorista para a congregação e também para toda a Igreja.

No Brasil, cada unidade redentorista vai celebrar a seu modo. Em São Paulo, a província prepara um tríduo no Santuário Nacional de Aparecida entre os dias 12, 13 e 14 de março. A missa do dia 14, sábado, às 18h, no Altar Central, reúne diversos missionários para a abertura do jubileu.

CSSR News.
CSSR News.
São Clemente ajudou a levar o ideal da congregação para fora da Itália.


História de vida 

São Clemente nasceu de pais piedosos e honestos em Tasswitz, cidade da região da Morávia, em 26 de dezembro de 1751. O seu pai morreu muito cedo; a mãe, cuidadosa, se encarregou da educação do filho e querendo, antes de tudo, ensinar a quem o menino devia confiar o seu próprio futuro, o conduziu diante de uma imagem do Crucificado e lhe disse: “Meu filho, de agora em diante, ele será o teu pai e cuidado para não praticar aquilo que Ele não quer”.

Estas palavras ficaram impressas no coração de Clemente, e logo ele emitiu este juramento: Evitar a todo custo o pecado e praticar aquilo que mais agradasse a Deus.

Para concretizar estes desejos, abstinha-se dos jogos e de todos os tipos de distrações; jamais deu espaço à ociosidade, rejeitando atrações do mundo. Dominou o seu corpo, rezou com assiduidade, praticou o jejum e participou frequentemente dos sacramentos e da Santa Missa.

Ele foi percebendo aos poucos o caminho que tinha para percorrer, vivendo de acordo com a vontade de Cristo. Em vista disso, ainda que se esforçasse para aderir estreitamente a Cristo a quem escolheu como modelo, aos 20 anos não pode perseverar nessa mesma escolha que havia feito, ainda que fosse um caminho santo.

Desejando contemplar a realidade divina, por duas vezes retirou-se para a solidão como eremita; por duas vezes se dirigiu a Roma, a fim de visitar as basílicas dos apóstolos, retornando depois aos estudos literários e às severas disciplinas, mas em nenhum lugar encontrou a plena vontade de Deus.

Leia MaisComo São Clemente Hofbauer ilumina a vocação redentoristaDez fatos interessantes sobre São Clemente HofbauerPor fim, com a idade de 32 anos, pela terceira vez se dirigiu a Roma buscando estudar a teologia e as ciências sagradas em sua primeira fonte. Depois de alguns dias, levantando-se bem cedo, ao raiar do dia, por uma inspiração divina decidiu se dirigir à igreja onde ouvisse os primeiros sinos da aurora chamando para a Santa Missa. Ouviu então os sinos da igreja de São Julião ao Monte Esquilino. Dirigindo-se para lá apressadamente, encontrou os religiosos imersos na oração. Perguntou então a uma criança quem eram ao que lhe respondeu: “São sacerdotes da Congregação do Santíssimo Redentor e um dia você fará parte deste grupo”.

Clemente acolheu estas palavras como se fosse uma profecia enviada por Deus. Apresentando-se então ao superior daquele colégio, pediu e obteve licença para ser acolhido entre eles que à época eram também chamados de “Ligorinos”.

Concluído o noviciado com notas máximas, em 1875 emitiu os votos religiosos na Congregação, aplicando-se depois com diligência aos estudos de teologia, até ser ordenado sacerdote.

Santo Afonso predisse ser ele aquele que haveria de propagar o Instituto fora da Itália.

Reprodução.
Reprodução.
Monumento de São Clemente em Viena.


A profecia se concretizou. O Núncio Apostólico de Varsóvia havia pedido missionários para a região da Curlândia, e Clemente, com a autorização da Santa Sé dirigiu-se à Varsóvia. Ali, durante sua permanência erigiu uma casa religiosa e exerceu o seu ministério apostólico com grande diligência e proveito das pessoas.

Expulso de Varsóvia devido à complicada situação política, não desanimou e nem deixou de semear a Palavra de Deus, propagando a Congregação Redentorista na Alemanha, na Suíça e na Romênia.

O seu grande mérito, porém, deve-se à intensa atividade apostólica que desenvolveu em Viena, acordando a fé que estava adormecida nas pessoas, reformando os costumes e a conduta moral pública, de tal modo que a cidade passou a viver uma vida mais santa, deixando-se guiar por uma nova luz.

Clemente havia terminado sua vida como uma corrida agradável a Deus, havia conservado a fé, de modo que lhe estava reservada a coroa, que o Senhor, justo juiz, lhe concedeu no dia de sua morte, o dia 15 de março de 1820.

As datas oficiais do Catálogo dos Membros da Congregação Redentorista sobre a vida de São Clemente: 

Nascimento: 26 de dezembro de 1751

Morte: 15 de março de 1820

Profissão Temporária: 9 de março de 1785

Profissão Perpétua: 9 de março de 1785

Ordenação sacerdotal: 29 de março de 1785

Declaração das heroicidades das virtudes: 1876

Beatificação: 29 de janeiro de 1888

Canonização: 20 de maio de 1909

Declarado Patrono de Viena: 1914


Fonte: Índice latino di Pe. Claudio Benedetti, 1903 – tradução do Pe. Antonio Panariello, 1998. 


Escrito por
Pe. Inácio de Medeiros, C.Ss.R. (Arquivo redentorista)
Pe. Inácio de Medeiros, C.Ss.R

Redentorista da Província de São Paulo, graduado em História da Igreja pela Universidade Gregoriana de Roma, já trabalha nessa área há muitos anos, tendo lecionado em diversos institutos. Atua na área de comunicação, sendo responsável pela comunicação institucional e missionária da Província de São Paulo.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Pe. José Inácio Medeiros, C.Ss.R. , em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.