Por Elisangela Cavalheiro Em Notícias Atualizada em 10 SET 2020 - 09H25

Jovens oferecem solidariedade e conforto espiritual a moradores de rua

Jovens inspirados pelo ideal de Santo Afonso estão atualizando a missão redentorista, manifestando a misericórdia de Deus para dezenas de moradores de rua, em Campos dos Goytacazes (RJ), por meio do Projeto Café da Manhã Solidário. 

O projeto organizado pela Juventude Missionária Redentorista (Jumire) começou há uns cinco anos. "Desde o início, foi um projeto da Jumire, começou com um papo informal entre os integrantes e se tornou um projeto do nosso grupo", conta Igor de Oliveira Ferreira, coordenador do grupo, ao A12. 

Como uma maneira de levar conforto material através de um "café com pão" e também a consolação espiritual para quem muitas vezes já perdeu a esperança e vive no abandono, os jovens apostaram o seu dia de folga para ajudar quem precisa. 

"Quando cuidamos do próximo, Deus cuida da gente. E assim é a experiência de levar café da manhã aos mais necessitados. Muitas das vezes, quando vamos levar o café, alguns deles perguntam: 'você pode me dar um abraço' ou 'pode rezar por mim?'. E isso é uma grande benção de Deus: levar não só o alimento material, mas também a palavra de Deus. Portanto, o café solidário é um momento meu de encontro com Deus, já que podemos enxergá-lo no irmão”, revela o coordenador. 

Arquivo pessoal
Arquivo pessoal
[Foto foi feita antes da pandemia] Jovens entregam café nas ruas de Campos dos Goytacazes


Leia MaisIniciativa “Anjos da Vida” oferece ajuda a idosos e doentes em Diadema (SP)Curado do coronavírus Missionário Redentorista participa de pesquisaA solidariedade para com essas pessoas já é um desafio, e a pandemia do novo coronavírus agravou ainda mais a situação. Com a recomendação de "não sair de casa", quem tem a rua como morada, acaba sofrendo mais com o abandono e o preconceito. "Na realidade, são eles que mais necessitam da compaixão e da proximidade de quem pode ajudar", é o que assinala Lucas Dias, outro voluntário no projeto.

“Nós temos tudo em nossas casas, nunca nos falta o pão de cada dia e mesmo assim reclamamos, enquanto outros não tem sequer o que vestir. Consegui enxergar o quanto eu devia sair do comodismo, porque existem várias pessoas esperando o nosso sim. O que nós temos para ofertar, que seja um alimento ou a nossa própria oração, pois os nossos irmãos de rua não necessitam somente do pão, da coberta, mas eles também necessitam das nossas orações para terem o maior de todos os alimentos que é o próprio Jesus Cristo”, destaca Lucas.

Segundo o Núcleo de Defesa dos Direitos Humanos da Defensoria Pública do Rio, cerca de 60 mil pessoas estão vivendo nas ruas em todo o estado, e aproximadamente 17 mil na capital. Nesse número, estão muitas pessoas que tinham casa e emprego até pouco tempo. 

O projeto reúne jovens do Santuário de Nossa Senhora do Perpetuo Socorro e também conta com a ajuda de outras pastorais. A iniciativa distribui alimentação para dezenas de pessoas, todos os domingos pela manhã; um horário que os voluntários acreditam ser o mais difícil para essas pessoas conseguirem algum tipo de alimentação. 

"A gente observou que domingo era um dia muito escasso, tinham poucos grupos que se disponibilizam a levar um café da manhã para essas pessoas, e também, por ser um dia de descanso a maioria das instituições estão fechadas. Por ser um horário carente decidimos nesse dia. Todo domingo, às cinco da manhã, a gente começa a preparar o café e, às seis, a gente sai em direção às ruas centrais de Campos dos Goytacazes", contou Igor ao A12. 

A distribuição acontece nos lugares onde há concentração dos moradores de rua. Além do alimento, escutam um pouco das histórias e compartilham a Palavra de Deus.

Arquivo pessoal
Arquivo pessoal
Jovens entregam café a moradores de rua em Campos dos Goytacazes. As fotos foram feitas antes da pandemia


Conheça a Jumire

A Juventude Missionária Redentorista é um movimento jovem dentro da Congregação do Santíssimo Redentor. Inspirados pelo mesmo carisma e espiritualidade, os jovens que estão inseridos na comunidade eclesial, evangelizam através da ação missionária, junto com as Comunidades Redentoristas. 

Serviço: o Santuário fica localizado na Avenida Santo Afonso, 208, Centro de Campos de Goytacazes (RJ). Informações e contribuição para o projeto pelo telefone (22) 2722-0988. 


Fonte: Com informações Vatican News.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Elisangela Cavalheiro, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.