Por Deniele Simões. Em Redentoristas

Novo livro de padre Evaldo realça espiritualidade de Maria

Minha Mãe é Maria! Esse é o título do novo livro do missionário redentorista padre Evaldo César de Souza, lançado pela Editora Santuário.

Padre Evaldo conta sobre o processo de concepção da obra, que reúne mais de 50 textos marianos, escritos em linguagem simples e acessível, mas muito profundos.

Ele também recorda sua ligação com Maria e a comemoração dos 10 anos de sacerdócio, neste mês de junho. 

Jornal Santuário de AparecidaQual a sua relação com Maria e a importância dela na vida do senhor, como ser humano e sacerdote?

Padre Evaldo César de Souza – Antes mesmo de ser padre, Maria, a mãe de Jesus, sempre foi presença essencial na minha vida cristã. Com minha mãe, que também se chama Maria, aprendi a rezar, cantar musiquinhas para Nossa Senhora, e sempre tive carinho especial por essa mulher tão simples e cativante. Depois, como missionário redentorista, acabei sendo abraçado pelo amor de Maria, e sinto que ela me carrega no colo todos os dias. 

Foto de: Arquivo A12.

Padre Evaldo Souza, C.Ss.R

“Se experimentarmos um pouquinho do ser de Maria em nós, nossa vida será outra, muito melhor e
muito mais completa”.

 

JSO senhor completa 10 anos de sacerdócio neste ano. A figura de Maria influenciou na sua decisão de seguir a vida religiosa?

Padre Evaldo – Pois é, neste mês de junho tenho a graça de celebrar meus primeiros 10 anos de padre. Foi num sábado de muito frio, no dia 5 de junho de 2004, em Bom Repouso, sul de Minas Gerais, que tive a alegria de ser ordenado sacerdote pelas mãos de dom Ricardo, arcebispo de Pouso Alegre. Naquele dia senti uma alegria tão grande, fiquei tão cheio de certeza da minha vocação que só sabia chorar, pois muitos desafios eu enfrentei no seminário para poder chegar naquele momento. E eu olhava para a imagem de Nossa Senhora e dizia no meu coração: “obrigado Maria, sem a senhora eu não poderia hoje assumir minha tarefa de ser um seguidor de seu Filho Jesus; obrigado por ter enxugado minhas lágrimas e sido para mim fonte de inspiração missionária”. Minha decisão de ser missionário redentorista deve-se muito ao amor que sempre nutri por Nossa Senhora, e depois, vendo a vida de Santo Afonso, soube que estava no caminho e no lugar certo. 

JSComo surgiu a ideia de escrever um livro que fala justamente sobre Maria?

Padre Evaldo – Em 2004, quando cheguei para trabalhar na Rádio Aparecida, logo recebi do padre César Moreira uma tarefa: falar todos os dias, às 18 horas, sobre Nossa Senhora, no momento que era chamado de “Saudação Angélica”. Eu rezava o Ângelus e depois fazia uma catequese mariana. No começo, por alguns meses, escrevi esses textos. Afinal, eu era inexperiente com rádio. Com o tempo passei a falar espontaneamente. Mas foi bom ter escrito sobre Maria, pois quase 10 anos depois, visitando meus arquivos, reencontrei esses textos. Eram quase 150! Falei então com padre Júnior, diretor comercial da Editora Santuário, e juntos assumimos esse projeto de transformar textos em livro. O que fiz foi reescrevê-los, acertar alguns detalhes, dar uma caprichada, e incluir, ao final, uma breve oração que me brotava do coração de modo espontâneo. 

JSQual é a melhor forma para que possamos nos espelhar no exemplo que Maria deixou?

Padre Evaldo – Eu quis mostrar em cada texto desse livro que tudo em Maria é doçura, feminilidade, amor, maternidade. Os textos destacam alguma virtude de Maria, sempre relacionando sua vida com aquilo que de mais belo ela realizou: aceitar será mãe de Jesus e tornar-se, depois, a primeira discípula do próprio filho. Creio que, se nós experimentarmos um pouquinho do ser de Maria em nós, nossa vida será outra, muito melhor e muito mais completa. Para quem quer, de fato, ser um cristão de verdade, seguir Jesus Cristo com vontade e amor, os ensinamentos de Maria serão sempre muito preciosos. 

JSO livro é escrito em uma linguagem bastante simples. A ideia é também fazer uma catequese mariana?

Padre Evaldo – Com certeza. Catequese é a palavra fundamental desse livro. A simplicidade da linguagem não esconde a profundidade do assunto, apenas o torna mais fácil de ser compreendido. Tive muito cuidado em ser teologicamente coerente com os ensinamentos da Igreja, sem jamais tirar Jesus Cristo do foco central da fé, mas acenando para as virtudes que em Maria são inspiração para a missão de cada cristão. Sou suspeito de falar, mas um livro como esse pode ser material útil para catequistas, grupos de oração, terço em família. É um livro de espiritualidade mariana. 

Foto de: arquivo pessoal. 

Padre Evaldo e seu mais novo lançamento

"Gostaria de convidar você,
que quer conhecer mais sobre
a Mãe de Jesus, e quer fazer isso
de modo simples, espiritual e profundo,
para que conheça esse livro
que escrevi com tanto carinho".

JSQual foi o principal desafio ao escrever esse livro e que contributo espera dar aos leitores?

Padre Evaldo – O desafio maior foi selecionar os textos, pois tinham muitos e todos me pareciam muito bons. Quem sabe, se o livro for bem aceito pelos leitores, publico um volume dois? Tenho muitas outras palavras sobre Maria, que é fonte inesgotável de sabedoria. Desejo que o livro desperte e reforce o amor que temos de ter com a Mãe de Jesus. 

JSMuitos católicos ainda não têm a consciência do papel de Maria como intercessora. Escrever sobre ela ajuda a desmistificar a questão?

Padre Evaldo – Tudo o que pudermos escrever, falar, proclamar e ensinar será para o bem do Povo de Deus. E, entre tantos assuntos, falar de Maria, além de ser prazeroso, é tarefa necessária, pois muitos católicos ainda não têm muita clareza do papel de Maria na História da Salvação; confundem seus títulos, não conseguem responder às perguntas dos nossos irmãos evangélicos, que insistem em pregar erroneamente sobre Maria.

Gostaria de convidar você, que quer conhecer mais sobre a Mãe de Jesus, e quer fazer isso de modo simples, espiritual e profundo, para que conheça esse livro que escrevi com tanto carinho – Minha Mãe é Maria. Já no título você faz sua profissão de amor, e depois, percorrendo cada página, irá se surpreender pelo amor que Maria tem para com você.

4 Comentários

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Deniele Simões., em Redentoristas

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.