Por Redação A12 Em Redentoristas

Os Redentoristas no Congresso Missionário Latino-americano

Discípulos-Missionários de Jesus Cristo em um mundo secularizado e pluricultural

O 4º Congresso Americano Missionário – 9º Congresso Missionário Latino Americano (CAM4 - Comla9), encerrou suas atividades no dia 30 de novembro com uma missão na Praça da Basílica de Nossa Senhora de Chiquinquirá, em Maracaibo, na Venezuela, sede também da celebração de abertura, que foi realizada no dia 26 de novembro. Uma delegação da Congregação Redentorista marcou presença no evento de relevância internacional. 

Foto: arquivo pessoal.

Basílica de Nossa Senhora de Chiquinquirá, em Maracaibo, na Venezuela. 

 

Rumo à Missão com empenho e coragem

Neste CAM 4-COMLA 9 o tema foi: 'Discípulos-Missionários de Jesus Cristo em um mundo secularizado e pluricultural'; e o lema: 'América Missionária partilha tua Fé'. O objetivo geral deste Congresso foi “acrescentar e impulsionar, nas Igrejas particulares da América, o compromisso missionário para responder aos desafios da missão 'Ad Gentes' em um mundo secularizado e pluricultural”.

O Congresso contou com a participação de 3.500 pessoas de 24 países, sendo que o Brasil participou com 137 pessoas, sendo a 2ª maior delegação estrangeira (a 1ª foi da Colômbia, com 278 pessoas). Também nós, Missionários Redentoristas, marcamos presença neste Congresso, com uma participação de 17 missionários, entre confrades e leigos associados. Éramos 11 confrades redentoristas: 03 da Venezuela, 02 do Brasil, 02 da Colômbia, 02 da Argentina, 01 do Chile e 01 do Paraguai; e alguns leigos associados vindos da Argentina e da própria Venezuela. Do Brasil, éramos Pe. Antônio Niemiec, redentorista da Bahia, e eu, Pe. Roni, C.SS.R., de São Paulo.

Foto: arquivo pessoal. 

Padre Roni e padre Antonio,
redentoristas brasileiros.

A missa de abertura aconteceu na Praça defronte a Basílica de Nossa Senhora de Chiquinquirá, padroeira do Estado de Zulia, onde está situada a cidade de Maracaibo (aliás, sua capital), no dia 26 de novembro, às 18 horas, presidida pelo Delegado Pontifício, S. Ema. Cardeal Fernando Filoni, Prefeito da Pontifícia Congregação para a Evangelização dos Povos, com a presença de milhares de bispos, padres, diáconos, religiosas, religiosos e leigos de todas as delegações.

No Palácio de Eventos da Venezuela realizou-se o Congresso, de fato, com as conferências e fóruns de trabalho. Foram duas conferências na quarta-feira: “O anúncio de Jesus Cristo no mundo de hoje, secular e pluricultural” e “A Palavra de Deus, fonte de sentido para o mundo de hoje”; três conferências na quinta-feira: “A urgência da missão nos âmbitos da Nova Evangelização e da Missão Ad Gentes”, “Para uma Igreja Americana em permanente estado de Missão” e “A Missão da Vida Religiosa Consagrada na Igreja Permanentemente Missionária”.

As conferências aconteceram sempre no período da manhã, sendo que no período da tarde foram realizados fóruns de trabalhos. Foram organizados 22 fóruns temáticos diferentes, nos quais os congressistas se inscreviam, optando por 03 possibilidades e a organização do congresso dividiram-nos conforme a capacidade de cada espaço e tema.

Os temas dos fóruns foram: A infância e adolescência missionária, sujeito e futuro da Missão; O desafio das culturas juvenis à Missão da Igreja; Pastores missionários para uma Igreja em permanente estado de Missão; Famílias missionárias ‘ad intra’ e ‘ad extra’; A identidade missionária da escola católica; Vida Religiosa, comunhão para a Missão em e desde a América; Novas estruturas de organização pastoral para a Missão Permanente em e desde a América; Centralidade da Palavra de Deus na Missão Permanente; A Inculturação da Liturgia; Evangelização e Ideologias Políticas; A evangelização na Pós-modernidade; A Integridade da Criação; O anúncio das culturas afro-americanas; O anúncio de Jesus Cristo nas culturas indígenas; Religiosidade popular, caminho de evangelização; Evangelizar as culturas urbanas: do templo à casa; O compromisso Ad Gentes da Igreja em e desde a América; Profecia e Martírio na América; O desenvolvimento missionário da mobilidade humana; Diálogo e anúncio aos não-crentes; O rosto cristão da Ásia; Missão e Ecumenismo.

Também no período da manhã, após as conferências, aconteceram alguns testemunhos missionários muito significativos. 

Conversão para a Missão num mundo pluricultural

Ao final do Congresso, foi divulgada uma mensagem final, na tarde de sexta-feira, dia 29, que indicou cinco orientações pastorais a serem assumidas nas comunidades eclesiais: discipulado missionário, conversão, secularização, pluriculturalidade e missão 'Ad Gentes'. Todos os temas abordados pelas conferências e fóruns que marcaram este 4º Congresso Missionário Americano – 9º Congresso Missionário Latino Americano, em Maracaibo, Venezuela.

O Congresso foi encerrado com uma missa na Praça da Basílica de Nossa Senhora de Chiquinquirá, sábado (30), com grande participação das delegações e do povo de Maracaibo. 

Origem dos Congressos Missionários

Os Congressos Missionários Latino Americanos (COMLAs) têm sido promovidos pelas Pontifícias Obras Missionárias e organizados com a colaboração das Conferências Episcopais e o apoio da Pontifícia Congregação para a Evangelização dos Povos.

Tiveram sua origem nos Congressos Missionários Nacionais do México. O primeiro se realizou no México, em 1977 e em 1983. Depois vieram Colômbia (1987), Peru (1981), Brasil (1995), Argentina (1999), Guatemala (2003), Equador (2008) e Venezuela (2013). Quando da realização do COMLA 6, na Argentina, os Estados Unidos e Canadá passaram a tomar parte como países membros, dando origem à sigla CAM (Congresso Missionário Americano), reunindo, assim, todo o Continente Americano.  

Padre Roni Benedito dos Reis, C.Ss.R.
Participante do CAM 4 – COMLA 9

 

Veja galeria da participação dos Redentoristas no Congresso:  

 

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redação A12, em Redentoristas

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.