Por Redentoristas Em Notícias Atualizada em 29 OUT 2020 - 08H59

Um Redentorista quase centenário!

Exemplo de longevidade, sabedoria, perseverança na vocação e inspiração para a vida cristã, Padre José Luciano Jacques Penido, C.Ss.R. é considerado um dos Redentoristas mais idosos do mundo, com 98 anos de vida, completados no dia 18 de outubro de 2020.

Lucidez, prudência, generosidade, obstinação e doação total a Deus são algumas das características presentes em sua trajetória.

Província do Rio
Província do Rio
Padre Penido é da Província do Rio de Janeiro


Nascido em Belo Vale (MG), filho do senhor Henrique Marques da Silveira Penido e de Dona Maria José Jacques Penido, ainda criança, o religioso já pensava em ser padre. As orações de sua mãe e as palavras de sua madrinha, que um dia disse que ele seria um sacerdote, despertaram sua vontade de servir a Deus e à Igreja. E assim, ingressou para o Juvenato Redentorista em Congonhas (MG), no ano de 1934, aos 12 anos de idade. Escolheu a Congregação do Santíssimo Redentor por influência do Padre Atanásio Geerlings, C.Ss.R., que, em visita a seus pais, afirmou que um dia ele seria um Missionário Redentorista!

Em seu caminho vocacional de quase 80 anos como Redentorista na Província do Rio, o sacerdote destaca três momentos importantes: sua entrada no Juvenato em Congonhas, há 86 anos atrás; a emissão dos votos em Juiz de Fora (MG), no dia 02 de fevereiro de 1942; e sua ordenação sacerdotal em Belo Horizonte (MG), em 20 de julho de 1947.

Padre Penido passou por diversas Comunidades Redentoristas e viu a Província do RJ-MG-ES crescer e dar muitos frutos. Dentre as tantas histórias e curiosidades, ele lembra-se de uma viagem missionária, na qual houve um terrível acidente com um ônibus. “Eu desci para ver o desastre e a 5 metros adiante, na beira da estrada, atendi a confissão de uma pessoa e lhe absolvi”, relatou.

Na Província do Rio, ocupou diversos cargos, como professor e sócio do Juvenato, além de Superior Provincial, de 1962 a 1967. Desde 2011, reside na Comunidade Redentorista do Rio de Janeiro, atuando na Paróquia Santo Afonso, onde celebra a missa duas vezes por semana e é visto pelos paroquianos como um padre de grande coração, bastante cauteloso, lúcido e solícito com as pessoas.

:: A presença dos Redentoristas no Rio de Janeiro

Província do Rio
Província do Rio
Padre Penido reside na Paróquia Santo Afonso (RJ), a primeira igreja dedicada ao santo fundador no país


Padre Penido, que também é jornalista formado pela Universidade Internacional Pro Deo, afirma que a evangelização através dos meios de comunicação no tempo de hoje é o meio mais eficiente de anunciar a Palavra de Deus. Questionado sobre como é ser um Missionário Redentorista no mundo atual, o sacerdote não hesita em sua resposta: “É viver o Evangelho no dia de hoje e anunciar Cristo pela palavra falada, escrita, proclamada, projetada, mas sobretudo, pelo testemunho pessoal”.

Para o futuro, padre Penido enxerga com bons olhos e esperança o processo da reestruturação e reconfiguração pelo qual passa a Congregação Redentorista no mundo inteiro em vista da missão. “Inicialmente, haverá certas dificuldades pelos costumes próprios de cada Província, mas o resultado final será benéfico para todos”, disse o sacerdote.

Com toda a sua experiência como religioso, seu exemplo de vida, constância vocacional e ardor missionário, o Redentorista quase centenário nos deixa uma mensagem especial:

“Prezados jovens, procurem ser generosos à Palavra de Deus e à vocação! Aos confrades, digo: vamos viver a vida Redentorista, a cada dia, como se fosse o primeiro, o último e o único das nossas vidas”.

Brenda Melo
Jornalista da Província do Rio

4 Comentários

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redentoristas, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.