Por Redentoristas Em Notícias

Vocação Redentorista vive momento de “criatividade evangélica”, diz superior geral

No dia 10 de novembro é celebrado o  Dia Mundial de Oração pela Vocação Missionária Redentorista. A data anual é lembrada no segundo domingo de novembro e está intimamente relacionada ao Dia da Fundação da Congregação Redentorista, em 9 de novembro, que neste ano completa 287 anos.

Em mensagem especial para a ocasião, o Superior Geral, padre Michael Brehl, indicou que com um número expressivo de religiosos e seminaristas a congregação vive um momento de criatividade evangélica.

“Hoje, estamos vivendo um momento histórico de criatividade evangélica. O Papa Francisco nos exorta a sermos evangelizadores, cheios de Espírito, capazes de criar uma cultura de encontro e esperança. Com mais de 1.000 jovens em formação inicial e um número crescente de associados leigos, estamos convencidos de que nosso carisma e nossa vocação missionária estão hoje cheios de vida e energia”, disse.

Thiago Leon
Thiago Leon
Dia de oração está ligado a data de fundação da Congregação Redentorista.


Leia abaixo a mensagem completa:

Testemunhas do Redentor: Solidariedade para a missão em um mundo ferido

Caros Confrades, Irmãs, Leigos Missionários e Associados:

Enquanto nos preparamos para celebrar o Dia Mundial de Oração pela Vocação Missionária Redentorista em 10 de novembro, convido você a orar refletindo sobre estas palavras do Papa Francisco:

A missão no coração da cidade não faz parte da minha vida, nem é um ornamento que eu possa levar; não é um apêndice ou outro momento da existência... Eu sou uma missão nesta terra, e por isso estou neste mundo. Portanto, devemos pensar que: toda pastoral é vocacional, toda formação é vocacional e toda espiritualidade é vocacional. (Christus Vivit, n. 254).

Embora o Papa Francisco tenha dirigido essas palavras especialmente aos jovens, acredito que elas também se destinam a todos nós que fomos chamados a viver a Vocação Missionária Redentorista. Foi isso que ocupou o centro de nossas orações, reflexões, discernimentos e decisões em cada Conferência, durante as reuniões da metade deste sexênio. Nossa vocação missionária constitui o núcleo do processo de reestruturação e de nossos planos apostólicos; como "um único corpo missionário" (Const. 2), hoje somos testemunhas proféticas do Redentor em nosso mundo ferido.

Leia MaisO poder da oração para seu discernimento vocacionalComo entender a santidade para buscá-la Quando o seminarista recebe o hábito redentorista?Mais do que nunca, hoje somos chamados a viver essa vocação em espírito de profunda fé e confiança na presença de Jesus Nosso Redentor, que prometeu permanecer conosco para sempre. Com alegria e paz, descobrimos que Ele nos mostra sua presença quando, em espírito de solidariedade, encontramos nossos irmãos e irmãs mais necessitados.

Dadas essas possibilidades enormes e muitas necessidades, somos chamados a um discernimento atento e profundo da fé na comunidade. À luz das decisões do Capítulo Geral e dos sinais dos tempos, estamos prontos para uma vida missionária que atravessa fronteiras e derruba muros - para uma vida cada vez mais internacional e intercultural. Esta vida missionária, juntamente com nossa vocação missionária, convida-nos a uma união cada vez mais profunda com nossos Leigos Missionários e Associados Redentoristas, com as Irmãs religiosas que compartilham nosso carisma e com as irmãs e irmãos mais pobres e abandonados.

Hoje, estamos vivendo um momento histórico de criatividade evangélica. O Papa Francisco nos exorta a sermos evangelizadores, cheios de Espírito, capazes de criar uma cultura de encontro e esperança. Com mais de 1.000 jovens em formação inicial e um número crescente de associados leigos, estamos convencidos de que nosso carisma e nossa vocação missionária estão hoje cheios de vida e energia.

Nesse espírito, lembro a decisão do Capítulo Geral de que em cada Província e Região seja feita uma coleta anual para o Fundo de Solidariedade em todas as nossas igrejas. Se neste momento você ainda não fez este gesto, proponho que o Dia Mundial de Oração pela Vocação Missionária Redentorista seja um momento muito apropriado para realizá-la. Por meio do Fundo de Solidariedade, a Congregação ajuda as Unidades mais necessitadas, principalmente em seus programas de formação dos vocacionados e dos formadores. Esse espírito de solidariedade é essencial para o constante dinamismo de nossa vocação missionária redentorista. Por favor, seja generoso.

Ao recordar o 287º aniversário de nossa Fundação, agradecemos a Deus pela vida e pelo testemunho de tantos confrades em cujos ombros descansamos, começando por Santo Afonso e Irmão Vito Curzio. No próximo ano, celebraremos o bicentenário da morte de São Clemente Maria Hofbauer, bem como a fundação da Congregação além dos Alpes - primeiros passos de nossa missão internacional no mundo.

Irmãos e irmãs, neste dia de oração, agradecemos a Deus por nos chamar em Jesus Cristo, nosso Redentor, para compartilhar esse carisma. Ore para que muitos outros também respondam a esse chamado: Irmãos e Irmãs, Sacerdotes, Missionários Leigos e Associados Redentoristas. Peço que, em cada comunidade redentorista, igreja e paróquia, convide outras pessoas a orarem por essa mesma intenção. E convide-os também a pensar que talvez Deus os esteja chamando, individual e pessoalmente, para dar suas vidas com Jesus por suas irmãs e irmãos.

Incentive-os a aprofundar as palavras do Papa Francisco:

Jesus caminha entre nós como ele fez na Galiléia. Ele passa por nossas ruas, para e nos olha nos olhos, sem pressa. Seu chamado é atraente, é fascinante ... procure aqueles espaços de calma e silêncio que permitem refletir, orar, olhar melhor para o mundo ao seu redor e, sim, com Jesus, você pode reconhecer qual é sua vocação nesta terra. (Christus Vivit, n. 277).

Irmãos e irmãs, sinto-me profundamente grato por compartilhar com vocês esta vocação missionária. Obrigado por sua perseverança e paciência, e por seu alegre testemunho do Redentor!

Que Afonso de Ligório e Clemente Hofbauer, Vito Curzio e Gerardo Majella, Celeste Crostarosa e muitos outros nos encorajem a viver sempre nossa vocação missionária com alegria e esperança - e transmitir essa alegria e esperança a outros. Que Maria, Nossa Mãe do Perpétuo Socorro, nos acompanhe dia após dia em nossa tarefa de comunicar as Boas Novas aos pobres. O Beato Gaspar Stanggassinger, padroeiro da Formação Vocacional Redentorista, rogai por nós.

Em Cristo, nosso Redentor e irmão,

Michael Brehl, C.Ss.R.
Superior Geral

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redentoristas, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.