Por Ir. Viveiros, C.Ss.R Em Notícias Atualizada em 02 ABR 2019 - 16H09

Nossa Senhora Aparecida e os Redentoristas

A Imagem de Nossa Senhora Aparecida foi “pescada” pelos três pescadores João Alves, Domingos Garcia e Felipe Pedroso, no Rio Paraíba do Sul, em outubro de 1717. Com o passar do tempo, as graças e milagres de Nossa Senhora foram se tornando conhecidos. Com isso, crescia consideravelmente o número de devotos que visitavam Aparecida.

:: Conheça a história dos Missionários Redentoristas

A Igreja do Brasil não tinha condições de atender essa demanda. Diante desse desafio, em julho de 1894, Dom Joaquim Arcoverde, bispo de São Paulo, foi ao Governo Geral da Congregação Redentorista, em Roma, pedir missionários para pregar as Santas Missões no Brasil e para trabalhar no Santuário de Aparecida. O pedido foi acolhido pelos missionários da Província da Baviera, Alemanha.

No dia 28 de outubro do mesmo ano, chegava então em Aparecida um grupo de missionários, padres e irmãos, para evangelizar o povo brasileiro.

Arquivo
Arquivo
Os primeiros redentoristas chegaram ao Brasil em 1894.

Com o atendimento pastoral dos Missionários Redentoristas, o Santuário de Nossa Senhora Aparecida foi se expandindo e Nossa Senhora ganhou o coração do povo. As exigências cresciam e se fez necessária uma grande organização pastoral para as celebrações dos sacramentos, para os momentos devocionais, para a catequese e para orientações de modo geral aos devotos da Mãe Aparecida.

:: Oração Jubilar: 300 anos de bênçãos

No Santuário, Deus aproveita todas as oportunidades para tocar o coração dos filhos. Fala através das celebrações, do anúncio da palavra, nos momentos de devoção, mas o lugar privilegiado é no Sacramento da Reconciliação, na confissão. Graças a Deus, muitas coisas boas acontecem em Aparecida.

:: A devoção mariana dos Missionários Redentoristas

Nós, Missionários Redentoristas, queremos ser instrumentos de Deus para o povo. A relação dos Missionários Redentoristas com Nossa Senhora é muito bonita. É uma relação filial, carinhosa, afetiva e materna. A nossa missão no Santuário é a mesma de Maria, isto é, tornar Jesus mais conhecido e mais amado por todos os povos, raças e nações. Por isso, Nossa Senhora é a nossa mestra. Ela é modelo de missionária, de docilidade ao Espírito Santo, modelo de fidelidade na missão de evangelizar.

Thiago Leon
Thiago Leon

Anualmente, o Santuário acolhe por volta de 13 milhões de romeiros. Cada um traz no coração suas alegrias e angústias, gratidão e preces. Ao chegar ao Santuário, cada fiel é acolhido com ternura, com afeto e com o amor de uma mãe que acolhe seu filho. “Trabalhar no Santuário de Nossa Senhora Aparecida é um grande privilégio, uma dádiva de Deus e, ao mesmo tempo, uma grande responsabilidade.” Ir. João Batista de Viveiros

Por isso, queremos insistir com Jesus, Senhor da Messe e Pastor do rebanho, para que continue enviando muitos operários e operárias para continuarem a bonita missão de levar a Boa Nova do evangelho a todos os homens e mulheres do nosso Brasil através de uma pastoral fecunda, eficaz e misericordiosa no maior santuário mariano do mundo.

Escrito por
Irmão Viveiros (Irmão Viveiros)
Ir. Viveiros, C.Ss.R

Nasceu na cidade de Matipó (MG), mas foi criado no estado do Paraná. Desempenhou diversas atividades como Missionário Redentorista. Foi formador, trabalhou nas Missões Populares e foi também prefeito de Igreja no Santuário Nacional de Aparecida. Desde 2015, está de volta ao Serviço de Animação Vocacional da Congregação Redentorista - Província de São Paulo. É também grande incentivador do Terço dos Homens.

2 Comentários

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Ir. Viveiros, C.Ss.R., em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.