Missa

No Santuário: Com fé, Dom Odilo encoraja fiéis a superar dificuldades da pandemia

Romaria da Arquidiocese de São Paulo completa 120 anos.

Escrito por Santuário Nacional

02 MAI 2021 - 12H45 (Atualizada em 03 MAI 2021 - 09H16)

Matheus Andrade Missa da Arquidiocese de São Paulo 120 anos (Matheus Andrade)

Em uma demonstração de fé e tradição de 120 anos, a Romaria da Arquidiocese de São Paulo ao Santuário Nacional de Aparecida aconteceu neste domingo (02). O Cardeal Dom Odilo Pedro Scherer, Arcebispo Metropolitano, presidiu a missa no Altar Central.

Os fiéis podem também acompanhar as missas no Santuário Nacional de Aparecida pela Rede Aparecida de Comunicação, A12.com, pelo YouTube do Santuário e Aplicativo Aparecida.

Pedindo força e esperança, Dom Odilo encorajou aos fiéis a recorrerem à Nossa Senhora Aparecida. 

“É tão bom voltar à Casa da Mãe, ainda mais quando a vida está difícil, quando as coisas estão complicadas como agora. Tanto sofrimento, tantas situações de dor, luto, ansiedade, mas também de esperança, tantas coisas bonitas estão acontecendo, graças a força que vem da fé, generosidade, caridade. Trazemos tudo isso no altar de Deus, aqui no Santuário de Nossa Senhora Aparecida, afirmou Dom Odilo.

Matheus Andrade
Matheus Andrade


Tempo de Pandemia - “Como cristãos, não devemos desanimar. Devemos continuar firmes a crer, a esperar e a fazer a nossa parte, a produzir os frutos da fé. Vamos cuidar dos doentes, dos pobres, daqueles que passam necessidades, zelar pela nossa saúde, tudo isso é fruto da fé. Vamos confiar em Deus. Se nos mantermos unidos a Deus, Ele não deixará de nos dar Sua força, para que possamos, a cada dia, corresponder a Sua graça”.

“Hoje aqui na Casa da Mãe Aparecida, pedimos a Deus que nos dê perseverança, a força de nos mantermos fiéis ao nosso batismo de vida cristã. Com o olhar em Cristo, que possamos superar este tempo com a intercessão de nossa Mãe e Padroeira Nossa Senhora Aparecida”, completou.

História de fé e tradição – A romaria da Arquidiocese de São Paulo a Aparecida é a mais antiga entre as organizadas por paróquias e dioceses. Surgiu dia 08 de setembro de 1900, por iniciativa do então bispo de São Paulo, Dom Antônio Cândido de Alvarenga. Junto do religioso vieram 1200 romeiros, que ofertaram a Nossa Senhora Aparecida um rico estandarte”, conforme contam as crônicas da Comunidade Redentorista de Aparecida.

O hino “Viva a Mãe de Deus e Nossa”, um dos mais populares em honra à Padroeira do Brasil, também está diretamente ligado à peregrinação paulistana. A música foi composta em 1905 para a romaria de São Paulo, se tornando a canção utilizada em outras edições da vinda a Aparecida. A canção caiu no gosto popular e, desde 1951, passou a ser utilizada pelo Santuário Nacional nas celebrações marianas.

Reveja a missa:


Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Santuário Nacional, em Missa

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.

Bem vindo!


Para completar seu cadastro, por favor, verifique seu e-mail e defina sua senha.
Caso não encontre o e-mail na sua caixa de entrada, por favor, verifique na caixa de SPAM/TRASH/LIXO ELETRÔNICO.