Por Thamara Gomes Em Notícias

Pe. Valentim Von Riedl: quem foi esse homem?

Palco de apresentações durante o estágio vocacional e tantas outras atividades, o salão Pe. Valentim, no Seminário Santo Afonso, tem muita história pra contar. A começar pelo nome que recebeu. Conheça a história do missionário redentorista, Pe. Valentim Von Riedl.

Foto de: arquivo provincial

Pe Valentim

Pe. Valentim Von Riedl

Valentim, nasceu no dia 19 de outubro de 1847, teve uma longa vida de extraordinária atividade. Distingui-se nos seus estudos colegiais e universitários pela sua grande inteligência. Após fazer um retiro em abril de 1869, decidiu-se se tornar um religioso. Em novembro daquele mesmo ano, ingressou na Congregação Redentorista. Para não ser chamado à guerra de 1870, antecipou a sua Profissão por alguns meses, fazendo seus estudos em Gars - Alemanha.

No entanto, logo após a sua ordenação, começou a perseguição religiosa na Alemanha e o Pe. Valentim foi obrigado a viver ora em uma paróquia, ora noutra. Sentia-se assim como um peixe fora d’água afastado de seus confrades. Foi quando o Provincial encarregou-o de organizar uma escola para a formação de futuros seminaristas, dentre os quais sairiam, mais tarde, as vocações de que precisava a Província.

Foto de: Seminário Santo Afonso

Auditório Pe. Valentim Von Rield

Profundamente piedoso, compreensivo, ao mesmo tempo que firme e exato em tudo, Pe. Valentim foi um grande educador. Em 1894, entusiasmado com a ideia de se fundar uma Vice-Província no Brasil, esteve para vir para cá com a primeira turma. Mas adoeceu, e teve de adiar a realização do seu sonho. Ao recobrar a saúde, no entanto, foi colocado como Diretor do Juvenato.

Em 1895, partiu para o Brasil numa segunda turma de redentoristas. Aqui chegando, logo percebeu que a realidade era bem diferente do que havia imaginado. Homem que dominava diversas línguas, achou muito difícil o português. Meses depois já estava trabalhando em Aparecida e nas paróquias vizinhas.

O Vice-provincial, Pe. Gebardo, começou a ver a necessidade de se fundar um Juvenato que desse à Vice-Província padres brasileiros, capacitados para trabalhar com o nosso povo, sem os problemas e dificuldades que encontravam os padres alemães.

Foto de: Seminário Santo Afonso

Auditório Padre Valentim Von Riedl

Auditório Pe. Valentim Von Riedl, no Seminário Santo Afonso, em Aparecida (SP).

 

Apoiado na experiência e capacidade do Pe. Valentim, pôs mãos à obra. Em outubro de 1898 já era realidade o primeiro juvenato, confiado à direção firme e prudente do Pe. Valentim Riedl.

Já com 72 anos, e podendo contar com os primeiros padres brasileiros para o trabalho no Juvenato, Pe. Valentim achou que podia dar por encerrado o seu trabalho de educador. Sua saúde, já precária, não lhe permitia mais trabalhar como o fizera anos antes. Recolheu-se no convento de Aparecida, onde ainda pregou vários retiros para sacerdotes. Era sempre alegre, simples e caridoso com todos. Apesar dos anos e da saúde que lhe ia fugindo sempre mais, dedicava seu tempo à oração, no quarto ou na capela, fazendo questão de não omitir qualquer ato comum.

Foi assim que ele viu chegar seu último dia. Faleceu em Aparecida, no dia 22 de junho de 1920, cinco semanas antes de completar seus 50 anos de Profissão religiosa.

Fonte: CERESP - Centro Redentorista de Espiritualidade - Aparecida-SP (Pe.Isac Barreto Lorena CSsR In memoriam - Pe.Vitor Hugo Lapenta CSsR e Pe.Flávio Cavalca de Castro CSsR)

Saiba mais: Quem foi Pe. Geraldo Pires de Souza?

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Thamara Gomes, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.