Por Pe. Braz Delfino, C.Ss.R. Em Redentoristas Atualizada em 27 MAI 2020 - 11H02

Por que Santíssimo Redentor?

Reprodução.
Reprodução.
Santíssimo Redentor, que Santo é esse?



É o próprio Deus que criou, mantém e governa todo o Universo, e todas as coisas visíveis e invisíveis. Isso se o focalizarmos em sua natureza divina de ser um com o Pai e o Espírito Santo. Por isso, Santíssimo.

Se, porém, o focalizarmos em sua natureza humana, é Jesus Cristo, que foi concebido por obra e graça do Espírito Santo. Foi gerado e dado à luz pela Imaculada Virgem Maria. Viveu a vida humana tal qualquer um de nós, com exceção do pecado. Ensinou o Reino de Deus, cuja verdade comprovou com milagres.

Por causa desse Reino, foi condenado, morreu crucificado, mas ressuscitou e está vivo junto do Pai e do Espírito Santo. Voltará um dia para colocar um ponto final na “aventura humana” na terra.

É o Redentor, porque dá continuamente sua vida para nos restabelecer na qualidade de filhos e filhas de Deus, oferecendo-nos ainda a possibilidade de participarmos de sua Ressurreição e Vida Eterna.

Por que os religiosos, padres e irmãos, são chamados de redentoristas?





Porque pertencem a um grupo de sacerdotes e Irmãos-Leigos que se propõem
imitar Nosso Senhor Jesus Cristo: o Redentor.

Leia MaisA misericórdia e os redentoristasDescubra quem são os santos e beatos redentoristas 12 santuários redentoristas para você visitar com a famíliaFoi Santo Afonso Maria de Ligório quem deu início a esse grupo no dia 9 de novembro de 1732.

Dezessete anos depois, isto é, em 25 de fevereiro de 1749, o Papa Bento XIV aprovou-o como uma Congregação religiosa da Igreja Católica, Apostólica, Romana. Mudou-lhe, porém, o nome de Santíssimo Salvador para Santíssimo Redentor, e daí, Redentoristas.

:: Ser Missionário Redentorista

1 Comentário

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Pe. Braz Delfino, C.Ss.R., em Redentoristas

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.