Por Redentoristas Em Notícias Atualizada em 07 FEV 2019 - 12H12

Votos perpétuos marcam entrega definitiva a Deus e à congregação

Luana Correa
Luana Correa
Votos religiosos expressam um gesto de total liberdade e disponibilidade a Deus e a Igreja.


A vocação à vida religiosa é um dom para a Igreja. Onde existe um religioso ou uma religiosa, ali está alguém que deu uma resposta definitiva e radical para seguir a Deus.

A vida religiosa é marcada pela profissão dos votos de pobreza, castidade e obediência, realizados depois de um período de preparação que dura alguns anos, após a entrada no seminário ou convento. Passados mais anos ainda, após essa primeira profissão segue-se uma sequência de votos temporários, quer dizer, profissões válidas por um ano. Daí, podemos entender que a preparação para a vida religiosa é exigente!

Nessa caminhada, em um determinando momento, o religioso (a), se prepara para a sua Profissão Perpétua, que representa sua adesão definitiva naquela ordem e congregação religiosa.

:: O que são os votos de pobreza, castidade, obediência?

Embora a primeira profissão dos votos marque para sempre a vida do religioso, a perpétua renova de forma decisiva o seu compromisso e seguimento a Deus e à Igreja. Na Congregação Redentorista, como em outras ordens religiosas, os consagrados são convidados a uma preparação intensa em vista da profissão dos votos perpétuos, chamada ‘Segundo Noviciado’. 

Em Cieneguilla, no Peru, quatro irmãos redentoristas participam do encontro desse ano: Alan Zuccherato, Carlos José da Cunha, Joaquim Acassio Barbosa e Vanderlei Policarpo. A preparação teve início no dia 06 de janeiro e se estende até o dia 18 de fevereiro. Destes, Irmão Vanderlei já professou os votos, contudo participa do encontro. “No Segundo Noviciado retomamos elementos principais de nossa Vida, Missão e Espiritualidade Redentorista. Concluímos este tempo com um Retiro Espiritual”, esclarece irmão Alan, ao falar sobre o que é refletido neste encontro.

Ao todo, participam 27 religiosos de várias unidades redentoristas: Peru, Paraguai, Argentina, Porto Rico, Colômbia e Brasil das províncias de São Paulo, Rio de Janeiro, Campo Grande, Goiás e das vice-províncias de Recife, Bahia, Fortaleza e Manaus.

Arquivo pessoal.
Arquivo pessoal.
Grupo de religiosos presente no encontro em Cieneguilla, em 2019.


:: Quem é o Irmão Missionário Redentorista?
:: Qual a diferença entre padre diocesano e padre religioso?

Segundo Irmão Alan, o religioso tem uma oportunidade ímpar no processo de formação durante esta experiência. “Podemos ressignificar nossa opção e confirmar nossa resposta de Amor ao Redentor que nos chama e conta conosco para que sejamos suas testemunhas. Este chamado é exigente e nos compromete”, relata o religioso. 

Quando alguém faz uma opção definitiva diante dos votos perpétuos, se coloca diante da escolha livre e consciente em viver os votos de pobreza, castidade e obediência. Não existe um ‘super homem’ ou uma ‘super mulher’ para fazer a profissão desses votos, mas sim alguém que deseja dedicar toda a sua vida a Deus. Então, os votos fazem parte deste processo em direção a esta escolha de vida.

3 Comentários

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redentoristas, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.