Por André Luiz Oliveira Em Artigos Atualizada em 01 AGO 2019 - 16H51

Sinal no Céu



No mês de agosto recordamos os festejos da Assunção de Maria aos céus, desta memória litúrgica e dogmática advém diversos títulos marianos: Glória, Vitória, Alegria, Esperança, Boa Viagem, Boa Morte, Nossa Senhora da Assunção. O Concílio Vaticano II (1962-1965) nos ensina que Maria tornou-se ícone (sinal, modelo) da Igreja. As ciências sagradas nos permitem traçar um itinerário mariológico. Conhecer aquela que mudou os rumos da história, que desestabilizou poderosos e modificou culturas. Maria é a mãe judia de Jesus o homem judeu, a moça de Nazaré na Galileia, a prima prestativa de Isabel, a esposa de José; aquela que tendo feito a experiência do “Shemá Israel”, coube ensinar a Jesus a tradição do antigo Israel, o que era comum às mães de seu tempo, a pertença ao povo eleito era transmitida pelas mães.

“Um grande sinal apareceu no céu: uma Mulher vestida com o sol, tendo a lua sob os pés e uma coroa de doze estrelas na cabeça.” Ap 12,1 Com o passar dos séculos Maria foi se transformando em Nossa Senhora – quando falamos de Maria nos referimos à mulher histórica, Nossa Senhora é a figura escatológica, a mulher ressuscitada – imagem da humanidade. As Escritura Sagradas nos advertem que apareceu no céu um sinal (Ap 12), e desde então ele brilha, ilumina e sinaliza. Maria está revestida do sol, como não brilhar? Tem a lua sobre seus pés, como não iluminar? Tem estrelas sob sua cabeça, como não conduzir? É porque está ressuscitada no céu é que a Bem-aventurada Virgem Maria, pode se manifestar aos fiéis. Tendo sido elevada de corpo e alma, como adverte o dogma da Assunção, ela pode tomar forma humana e com linguagem humana transmitir alguma mensagem. Mensagem que não foge à Revelação já manifestada por seu Filho Jesus, trata-se de revelações privadas. Nas Escrituras, ainda durante sua vida, Maria recebeu um único título: Mãe do Senhor (Lc 1,43); porém, a Nossa Senhora são atribuídos milhares de títulos. Das mariofanias – manifestações marianas – advém inúmeros títulos marianos, são mais de mil títulos atribuídos a Nossa Senhora, cada povo quis homenagear a Mãe de Jesus com um título, que expressa sua cultura e características próprias. Para os que estão na agonia, ela é Senhora da Boa Viagem; para os desafortunados ela é Senhora da Glória; para os temerosos ela é Senhora da Boa Morte; para os tristes ela é Senhora da Alegria; para os desalentados ela é Senhora da Esperança. Para todos ela é Maria a mãe de Jesus é a mulher elevada à presença de Deus, ela é o sinal que resplandece no Céu.

Ir. André Luiz Oliveira – CSSR
Associado da Academia Marial e Escritor

1 Comentário

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por André Luiz Oliveira, em Artigos

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.