Notícias

Como São Geraldo Majella amava a Virgem Maria

Escrito por Redentoristas

19 SET 2022 - 14H50 (Atualizada em 19 SET 2022 - 15H09)

Santuário de Materdomini.

“E tu, única alegria minha, Imaculada Virgem Maria, sejas minha protetora e consoladora em tudo o que me acontecer.
E que, a respeito destes meus propósitos, sejas sempre minha única advogada diante de Deus”. 

Na vida espiritual de São Geraldo havia um lugar especial para a Virgem Maria. A qual ele nutria terníssimo amor que ia crescendo junto com sua idade, desenvolvendo assim uma ardente veneração, desde o dia em que Madona de Capotignano começou a agir de modo atraente sobre ele.

Seu amor por Maria era muito sincero, e, de forma simples, vivenciava sua devoção com muita espontaneidade. Em sua devoção, conservava gestos da piedade popular, motivo pelo qual é possível perceber que, em sua regra de vida, um de seus propósitos era rezar:

“Seis Ave-Marias com o rosto no chão de manhã e seis à noite” e “em todo tempo de silêncio me ocuparei com a consideração da paixão e morte de Jesus Cristo e das dores de Maria Santíssima”. (Cf. Grande Sinal, 2005. p. 406).

Reprodução.
Reprodução.
Santo redentorista, irmão italiano foi muito devoto da Virgem Maria


Para as
festas marianas, se preparava com diversos exercícios de piedade, bem como atos de mortificação. Desse modo, ele vivia dias de muita alegria, que ficava perceptível em seu semblante. Sua relação com a Virgem era tal que bastava olhá-la pausadamente que já era suficiente para ficar arrebatado e extático.

Sem dúvidas, Maria arrebatava o coração de Geraldo, com emoções vivas que o cumulava de alegria e amor. Tal encantamento só não se compara com as vezes em que se colocava diante do Santíssimo Sacramento.

Diferentemente dos meninos de sua idade, ele não pensava em casamento, fato que muitos o questionavam. Isso porque percebiam que seu amor pela Virgem era tão grande que, o vendo peregrinar de igreja em igreja, muitos o questionavam por que ele não se casava? Esta pergunta ele respondia sem se esquivar: "Casei-me com Maria Santíssima".

Este fato foi testemunhado por muitos. O episódio aconteceu quando celebrava a festa da Virgem Imaculada. Em meio à multidão que seguia, Geraldo repentinamente tira um anel e o coloca no dedo da imagem, dizendo:

“Caso-me com a Virgem”
(cf. Espiritualidade Redentorista, 2005, p. 17).

Leia MaisComo ser santo imitando São GeraldoOrações de São Geraldo para as mães e gestantesSão Geraldo, o padroeiro dos alfaiates Você conhece o significado do nome de São Geraldo?Para Geraldo, Maria era o seu verdadeiro amor, sua advogada, o reflexo de Deus. Nela ele depositava sua inteira confiança. Desta forma confiou a ela sua vida. Pedindo-a que fosse sua protetora e consoladora em todas as circunstâncias.

Através da figura feminina de Maria é que ele olhava as outras mulheres. Assim ele escreve às Carmelitas:

“Todas vocês me lembram e representam a Mãe de Deus”.
(Cf. Espiritualidade Redentorista, 1992, p.19).

Olhando para a vida de Geraldo, pode ser traçado uma visão de conjunto sobre sua espiritualidade. O capítulo 10 do evangelho de Lucas, quando os apóstolos voltam da missão, inflamados de alegria e estando junto com o Mestre, eles partilham sobre a necessidade de fazer uma boa experiência missionária: 

“Contudo, não vos alegreis porque os espíritos se vos submetem; alegrai-vos, antes, porque vossos nomes estão inscritos nos céus” (Cf. Lc 10, 20).

Este foi o caminho trilhado por Geraldo. Nesta vivência do Evangelho, ele sente total alegria por colocar seu coração voltado para os mais necessitados. 

Esse caminho de serviço e doação foi acolhido por Geraldo com muita gratidão e alegria, deixando-se encantar cada vez mais com a “Copiosa Redemptio”, fazendo dela o sentido de sua vida e traduzindo-a em amor efetivo para todas as pessoas, empenhando com todas as forças e se doando inteiramente a todos os necessitados.

Reprodução.
Reprodução.
São Geraldo e Santo Afonso, fundador da congregação.


Outro exemplo de seguimento é o
Magnificat (Cf. Lc 1, 46-55), onde a maternidade aceita por Maria se traduz em serviço. Com caridade em prestar auxílio, dirige-se prontamente a Isabel, a fim de ajudá-la. Esta mesma inspiração cumulou Geraldo, fazendo o entregar-se sem reservas à misericórdia de Deus, realizando sua missão de batizado no meio dos pobres, sendo para eles um sinal de Deus.

:: Saiba mais sobre São Geraldo em A12.com/saogeraldo

Tomado de fé e esperança, Geraldo dá seu 'Sim' confiante, colocando-se à
vontade de Deus como prioridade em sua vida. Assim, vai realizando-se na vocação religiosa, assumindo sua missão no mundo e confiante na proteção materna e amorosa da Virgem Maria.

Ir. João Paulo, C.Ss.R.
Província – Rio de Janeiro
1 Comentário

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redentoristas, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.

Bem vindo!


Para completar seu cadastro, por favor, verifique seu e-mail e defina sua senha.
Caso não encontre o e-mail na sua caixa de entrada, por favor, verifique na caixa de SPAM/TRASH/LIXO ELETRÔNICO.