Por Redentoristas Em Notícias Atualizada em 29 DEZ 2017 - 14H54

Deputados aprovam Nossa Senhora do Perpétuo Socorro como Padroeira de MS


Foi aprovado na sessão da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul, do último dia 20 de dezembro, o Projeto de Lei que institui “Nossa Senhora do Perpétuo Socorro” a padroeira de Mato Grosso do Sul. O projeto segue para a sanção do Governo do Estado.

O projeto ainda inclui no Calendário Oficial de Eventos do Estado o dia 27 de junho, Dia de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, como a data festiva de honras para a padroeira. Conforme o projeto, não será feriado na data.

A devoção por Nossa Senhora do Perpétuo Socorro em Mato Grosso do Sul é reconhecida por todos. No Santuário Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, em Campo Grande (MS), é o que mais realiza novenas no mundo inteiro: 18 por quarta-feira. As novenas atraem cerca de 25 mil pessoas todas as quartas-feiras.

O reitor do Santuário Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, Padre Dirson Gonçalves, acompanhou a votação no plenário da Assembleia Legislativa.

"É uma grande conquista para o nosso Estado. As novenas recebem pessoas de várias regiões de Campo Grande e até de outros municípios. É algo quase cultural. Ficamos muito felizes. Que a Mãe do Perpétuo Socorro, Nossa Padroeira, possa estar protegendo toda nossa população", declarou Padre Dirson Gonçalves.

O Projeto de Lei tem como autores os deputados Paulo Siufi e Junior Mochi, além de outros 14 parlamentares que subscreveram a proposta.

"É uma justa homenagem a Nossa Senhora do Perpétuo Socorro. A devoção pela Mãe é em todo estado. O nosso estado era o único que não tinha uma padroeira", conta o deputado Paulo Siufi.

Nossa Senhora do Perpétuo Socorro é padroeira de cinco cidades do Estado: Antônio João, Bodoquena, Caracol, Itaquiraí e Sete Quedas.

:: Simbologia do Ícone de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro

Fonte: Comunicativa

4 Comentários

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redentoristas, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.