Por Thamara Gomes Em Notícias Atualizada em 15 OUT 2018 - 16H02

Bíblia ou matemática: o que um jovem seminarista estuda?

A escola e os estudos fazem parte da rotina da maioria dos jovens brasileiros. Mas, e ao entrar para o seminário, como ficam os estudos?

Essa também é a dúvida do jovem Omar Ferreira Jr, de 14 anos. Ele perguntou: Se eu entrar para o seminário menor, eu vou estudar o mesmo que os outros jovens na escola ou só estudarei a bíblia?

Boa pergunta, Omar!


A formação de um jovem seminarista na Congregação Redentorista é baseada em três pilares: humano, intelectual e espiritual. A dimensão humana é referente à formação desses jovens como pessoas, como homens. Em uma perspectiva espiritual, eles são impulsionados a crescer na fé, através da rotina de oração. Para responder à pergunta do Omar, vamos trabalhar a dimensão intelectual.

Na Província de São Paulo, o Seminário Santo Afonso, em Aparecida (SP), acolhe os jovens para a formação inicial. Os aspirantes têm entre 14 e 18 anos, em média. Os formandos estudam as matérias comuns da grade curricular brasileira e também recebem uma catequese básica.

:: Vem e segue-me

Ou seja, durante esta etapa, estudam português, matemática, física, química, biologia e tantas outras matérias importantes para a formação acadêmica de cada um deles. As aulas, inclusive, são em um colégio da cidade de Guaratinguetá (SP), junto com outros jovens da mesma faixa etária.

Além disso, os seminaristas recebem a catequese bíblico-missionária e têm a oportunidade de conhecer um pouco mais sobre a Congregação Redentorista, sua história e espiritualidade.

Entendido?

Se você tem alguma dúvida sobre o acompanhamento vocacional ou sobre a formação redentorista, entre em contato conosco pelo email vocacional@a12.com ou pelo whatsapp (12) 99701-2245.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Thamara Gomes, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.